Translate

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Post.75: MARCAS DE NASCENÇA

Muitas pessoas carregam marcas de nascença, chegando a virar até uma identidade pessoal em alguns. E vem a curiosidade sobre a marca, do por que dela. No entanto, a curiosidade é algo inevitável para que tem marca de nascença. No entanto, será que estamos realmente preparados para saber da sua origem?

Na visão espírita as marcas, os sinais, as manchas de nascença, são indícios que evidenciam uma vida anterior, à vida atual, ou seja, é uma evidência da reencarnação.


Quanto maior o trauma, ou ferimento de grande intensidade, e pouco tempo antes da morte, ou qualquer outra causa que afetou profundamente o emocional do indivíduo como uma queimadura, ou ferida, ou determinados tipos de morte trágica, acidentais... Pode deixar marcas que atingem de certa forma o corpo espiritual, isto é, o perispírito; a intensidade emocional do acontecimento, cria uma marca semelhante no perispírito; então as informações que o perispírito carrega, transmite para o corpo que está se formando na gestação, dessa vez com a marca. Ou seja, o Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos do passado com as experiências adquiridas na vida atual.

Por que não lembramos do acontecimento que causou tais marcas? Por que não lembramos das nossas vidas passadas?
Deus, como um pai que protege os seus filhos, e em Sua Infinita Sabedoria, sabendo que AINDA não somo capazes de superar o nosso passado nem de aceitar o passados das outras pessoas, Lançou o véu do esquecimento sobre nós; o fato de não lembrarmos do passado é porque não seria interessante para nós. As lembranças do passado só vem quando necessitamos realmente e quando Deus permite lembrarmos ou receber informações do nosso passado para o nosso próprio bem, em que vai ter proveito para algum entendimento que estejamos necessitados. E a espiritualidade benfeitora nos informa que nem sempre estamos preparados para saber a origem de tais marcas, que é melhor a vida seguir, e não dar tanta importância para as marcas, porque algumas vezes podemos ficar abalados com tais informações da sua origem, e não sermos maduros o bastante para saber administrar tais informes.

O que se tem a fazer é conviver com tais marcas, no entanto,  quando se estiver liberto do corpo físico pelo desencarne, as marcas vão desaparecer do perispírito a medida em que o espírito  compreender os fatos e for se depurando, isto é, for removendo as suas impurezas, as suas imperfeições, os seus erros; pois cada vida é uma história, embora acontecimentos tenham marcado o individuo de tal forma que reflete no corpo físico atual, estes fatos tem que ser superados, pois o passado existe para ser aceitado e superado, existe para que o perdão seja exercido tanto para com outros como a si mesmo. A curiosidade bate obviamente, mas é esta curiosidade que diz: “É passado, estou em uma nova vida, em uma nova oportunidade, em uma nova experiência. Isto passou”. 

Nós espíritas sabemos que existe algo muito mais importante do que um capricho de curiosidade, que é dedicarmos ao nosso aperfeiçoamento com os ensinos de Jesus Cristo, e assim seguir cada vez mais o caminho do bem, da caridade do amor ao próximo, é compreender a nós mesmos para nos elevarmos e ir depurando, limpado o espírito das suas imperfeições, dos seus erros, sabemos que devemos viver para nos aprimorar sempre deixando para traz os traumas que o espírito carrega, para ir educando-o para o autoprogresso. O que tem que ser motivo de nossa curiosidade é Jesus, que os seus ensinamentos nos ensina a descobrir a nós mesmos, a nos superar, a deslumbrar novos horizontes, a ter a vontade de fazer nossa própria luz brilhar e assim desfazermos das nossas imperfeições e lembranças amargas do passado.

Lembrando que é apenas com a permissão de Deus que podemos saber de algo do passado, ninguém está apto para decifrar o passado de ninguém, apenas se Deus assim o permitir, e Deus só permite quando é necessário. Pois, se for por termos de curiosidade, Ele sabe que não é necessário. Precisamos nos aceitar. Deus sabe o que Faz. E Jesus é o remédio para tudo, pois é com ele que tudo compreendemos.  


Para saber mais sobre o esquecimento das vidas passadas, leia a postagem 28: http://jardim-espirita.blogspot.com.br/2013/04/post-28-esquecimento-das-vidas-passadas.html

E para saber mais sobre perispírito leia a postagem 56: http://jardim-espirita.blogspot.com.br/2013/07/post56-perispirito.html

106 comentários:

  1. Tenho 24 anos e tenho uma marca de nascenca que e uma cicatriz na minha costa, no lugar onde fica os rins, tenhis muitos problemas na minha vida que nunca consigo resolver, sempre tive sonhos de vidas passadas. Gostaria que alguem me ajudase.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Tassi!
      Recebi o seu comentário, e posso analisar ele por pontos? Vejamos:
      Marca de nascença: como você viu na postagem pode ser algum trauma que você passou em uma vida passada, no entanto, está é uma nova vida, uma nova experiência, uma nova oportunidade, que Deus te deu pra você recomeçar. Passe a encarar a sua marca de nascença como algo que ocorreu no passado, e que não tem mais importância; conheço uma pessoa que tem marcas de nascença nos dedos das mãos, no braço dando a idéia de que foi decepado,e no nariz, e tal pessoa ficava curiosa pra saber o que era e dando muita atenção, falei pra ela não dar tanta importância e passasse a viver o presente, porque a vida presente é um Presente que Deus nos deu, e esta pessoa não dar mais a atenção que dava antes a tais Marcas de Nascença, e ela passou a compreender muitas coisas no seu devido tempo.

      Sonhos com vidas passadas: não sei quais tipos de sonhos você vivência, se isso te faz ficar triste, ou se você não consegue compreender ainda o que viu durante tais sonhos... Mas o que é recomendando para antes de dormir é fazer o uso da prece, pedir ao seu guia espiritual (anjo da guarda) que cuide do seu espírito enquanto o seu corpo físico está dormindo, fazer leituras edificantes também é bom, escutar uma música que traga paz.

      Problemas que não consegue resolver: Tassi você é uma pessoa jovem, com toda uma vida pela frente, vivemos em um mundo de provas e expiações, então absolutamente todos tem suas provas para enfrentar e até mesmo casos de expiações, assim não vivemos em um mundo feliz, a felicidade aqui e a alegria são coisas passageiras como também nossas tristezas e problemas são passageiros, tudo passa. O que temos a fazer é prece, pedir ajuda a Jesus, ao nosso guia espiritual, aos nossos amigos de luz, para que eles possam nos ajudar a enfrentar os problemas e a tomar as decisões corretas. Se Deus te deu uma nova vida aqui neste mundo é que Ele sabe que você pode vencer todas as provas que vem pra você, porque você é vitoriosa, você tem potencial para superar todas as barreiras.

      Para finalizar seria interessante você fazer o Evangelho no Lar (http://jardim-espirita.blogspot.com.br/2013/03/post-09-pratica-do-evangelho-no-lar.html - veja neste link que te passei como realizar o Evangelho no Lar.), pois nos possibilita a ter mais entendimento sobre a vida, a superar nossas provas.E para você ter mais entendimento/compreender mais e ter uma resposta mais completa do seu caso seria muito bom e interessante você ir a uma Casa Espírita, e ter o atendimento fraterno e assistir a palestras, para você ter uma orientação mais clara e com mais enfoque no seus problemas, lembre-se de procurar uma casa espírita que siga os ensinamentos codificados por Allan Kardec, como falam popularmente casa espírita kardecista, pois nas verdadeiras casas espíritas não se cobra nada de dinheiro, nem tem uso de vela, nem de banhos, nem de imagens. É apenas a busca pelo entendimento. E você já teve algum contato com o Espiritismo?

      Agradeço por ter visitado o Jardim Espírita. E acima de tudo espero poder ter ajudado em alguma coisa. Te desejo muita luz, muita paz e harmonia. E que você possa encontrar as respostas para as suas perguntas. Que Deus te abençoe e Jesus te ilumine.
      http://jardim-espirita.blogspot.com.br/2013/06/post46-tudo-passa-mensagem-de-chico.html

      Excluir
    2. ola, porfavor eu presico conversar com alguem que entenda do assunto.. eu participei de alguns teste para saber sobre vidas passadas e descobri que eu fui um homem chamado Abraham Lincoln, nascemos no mesmo dia meus pensamentos sao exatamentes como eram os dele e tenho uma marca de nascensa no mesmo local onde ele foi morto.. eu preciso entender mais sobre isso..me ajudem

      Excluir
    3. Olá, Alie!

      Agradecemos a sua visita ao Jardim Espírita!

      É interessante você procurar uma casa espírita kardecista, nas casas espíritas existe o atendimento fraterno, lá você pode conversar sobre esse assunto e seguir as orientações que a equipe indicar.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  2. Achei muito interessante, sou espirita mas nunca havia parado pra pensar o porque que de eu ter a minha manchinha debaixo do pé, e agora do nada olhei pra ela e resolvi pesquisar sobre.. sabe-se lá o que aconteceu na minha vida passada haahah mas eu a adoro! :) Paz e luz!

    ResponderExcluir
  3. Tenho uma marca de coraçao . No meu dedo aonde vai minha aliança de casamento . E tenho outra que fiz a pouco tempo uma cicatriz fechou e fechou e formou um coraçao marrom. O. Do meu dedo e branco , poderia me ajudar fazendo o favor. Obg deste ja

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Ueles Fernando.
      Primeiramente agradeço a você pela visita ao Jardim Espírita, e tentei responder o mais rápido possível a sua questão, de acordo com o tempo que tenho. O que tenho pra te dizer é:

      Marca de nascença é a comprovação da reencarnação. Derivam de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria.

      Ueles, a sua marca de nascença é bem interessante, com forma de coração, remete-nos a pensar logo em amor, e o local onde ela se localiza também é um local significativo. Como falei na postagem acima, as marcas de nascença existem pelo fato de o espírito ter vivenciado profundo acontecimento com intensidade emocional. Aqui, apenas podemos SUPOR, dar a POSSIBILIDADE,que é: será que um grande amor marcou a sua vida passada com tamanha intensidade emocional que você nasceu com tal marca? Ou que você deveria dar mais importância ao amor, de uma formal geral, a busca do amor incondicional?

      Para você saber realmente o por que desta marca você teria que fazer uma Terapia de Vida Passada, a TVP, em que através de sessões a pessoa resgata as lembranças marcantes de vidas passadas. Mas, se esta marca não te afetar tanto ou não te deixar pra baixo, melancólico... Se for apenas curiosidade, não der tanta importância, pois a vida segue o seu curso, e compete a nós sermos senhores do nosso destino, pois temos o livre arbítrio. E assim rumamos a vida cada vez mais para o amor.

      E em relação a sua outra cicatriz que também é em formato de coração que se formou pode ser apenas que seja coincidência.

      O que falo sempre em relação a marcas de nascença é que, estamos vivenciando uma nova oportunidade e o que aconteceu em vida passada devemos deixar para trás, pois se a cada novo dia temos uma nova oportunidade, imagina a cada nova vida?! Devemos focar a nossa vida no amor, no aprendizado do Evangelho de Jesus, nas atitudes cada vez mais edificantes, na caridade, no perdão aos outros, e no perdão que muitas vezes temos até que nos proporcionar, exercendo o auto perdão.

      Que as marcas de nascença sejam para nós comprovações da Reencarnação. E que elas nos possibilite lembrar sempre que temos sempre uma nova oportunidade, que o que passou passou, e agora é um novo inicio.

      Espero te de ajudado em algum ponto. Te desejo muita paz, harmonia e luz. Que Jesus nos ampare sempre.

      Excluir
    2. Que legal eu nunca me interessei muito nesse assunto de vidas passadas, porém hj estava pesquisando sobre marcas de nascença e eu tenho um coração pequeno no braço direito ele não é uma pinta ele é claro queria saber o significado.

      Excluir
    3. Olá, Daniela.

      Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita.

      Cada vez mais recebemos mensagens de pessoas que falam que possuem marca de nascença em forma de coração. Antes, o que poderia ser diferente, pelo que parece é algo mais natural de se achar do que se imagina. Como em forma de números, em forma geométricas, com coloração diferente ao tom da pele...

      Não há como explicar diretamente o que estas marcas de nascenças podem significar, pelo fato que cada um de nós temos uma história em que acontece em aspectos diferenciados, de acordo com a experiência de cada um de nós. Para explicar diretamente a marca de nascença de cada pessoa, teríamos que ter acesso as experiências reencarnatorias de cada uma, não se pode fazer isso e Deus não permiti isso, ter acesso a vidas passadas só temos quando Deus permiti pelo fato que seria útil para a pessoa poder evoluir, no sentido de entender as circunstâncias muitas vezes que se passa em sua vida em momentos difíceis.

      O que podemos e devemos saber sobre as marcas de nascenças até o momento está na postagem acima. Em que o Espiritismo nos esclarece que: é uma evidência de reencarnação. As marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos do passado com as experiências adquiridas na vida atual.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  4. Bom Dia. Minha filha nasceu com o número 7 na bundinha. Sei que ela e reencarnacao porque a vi na minha frente como um espirito logo depois que descobri que estava gravida. Foi uma gravidez de risco e muito.sofrida. Mas graças a Deus ela esbanja saude, mas o número 7 me intriga, ele está se transformando em um coração. Oque pode ser? Ela tem 1 ano e 4 meses. Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ewilyn! Agradeço pela visita ao Jardim Espírita.
      E vamos refletir um pouco sobre a sua questão:
      Todos nós somos “reencarnação”, ou seja, estamos aqui nesta vida material atual pelo fator da reencarnação, assim, vivemos muitas vidas no mundo material, e nestes intervalos dessas vidas corporais ficamos no mundo espiritual, vivendo a nossa verdadeira condição que é como espírito. No mundo material vamos aprendendo, colocando em pratica o que aprendermos no mundo espiritual, pagando as dívidas que estão em pendência de outras vidas e se não tivermos cuidado com nossas atitudes vamos contraindo mais débitos, que apenas são pagos com a experiência das reencarnações.

      Em relação a você ter visto a sua filha logo depois que descobriu que estava grávida, isto é normal, é natural. Muitas mães, pais ou familiares veem o espírito dos seus filhos que estão pra nascer ou o novo membro da família. É uma experiência marcante, e concedida por Deus. Há um livro chamado: Vida Antes da Vida – Antes de nascer eles conversaram com seus pais! De Sarah Hinze; Este livro relata vários casos de experiências de pré-nascimento (é assim que Sarah Hinze denomina os encontro entre pais e filhos antes do nascimento destes). Quando não é o próprio espírito que vai reencarnar que vem ter encontro com os pais, são outros espíritos “familiares” que vem avisar, ou contar algo sobre o nascimento do bebê. Há uma criança que conheço, em que um espírito familiar à mãe, a encontrou por meio de sonho e avisou que ela estava grávida de uma menina e deu outros detalhes; a menina nasceu com uma mancha rocha no bumbum, hoje a menina tem 11 anos e a mancha sumiu.

      A marquinha que sua filhinha apresenta pelo seu relato está se transformando em outra forma, no caso em forma de coração. Como a Doutrina Espírita nos ensina as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria.
      Temos que ter a consciência que, cada vida que vivemos é uma nova oportunidade, um presente dado por Deus para que possamos recomeçar. E que se existe o véu do esquecimento sobre nós, para não nos lembramos do passado é porque não seria interessante para nós, as lembranças do passado só vem quando necessitamos realmente e quando Deus permite lembrarmos ou receber informações do nosso passado para o nosso próprio bem. Vamos deixar passar o que passou, se ficarmos apenas fixos no passado vamos esquecer de viver o presente que é a construção do futuro. Esta vida que estamos vivendo é de enorme preciosidade em que temos que nos doar as pessoas com todo o nosso amor sem querer ou esperar nada em troca. Então, der cada vez mais amor a sua filhinha, a compreenda, seja mãe, amiga, companheira... Não der apenas as coisas matérias, mas sim der a ela os bens que a matéria e o tempo não destroem. Vivemos atualmente em uma sociedade em que se preocupa apenas em dar as coisas materiais, mas a matéria jamais vai substituir o amor familiar, o aconchego do lar, porque hoje observamos que as casas não são mais lares; e sim virou casa onde apenas vivem as pessoas rodeadas por coisas confortáveis mais com o coração e o espírito totalmente desconfortáveis, vazios, tristes, solitários... Transmita para a sua Filhinha os verdadeiros valores da vida, mostre a ela cada vez mais Jesus, que é o nosso Mestre, Modelo e Guia. Não se apegue a apenas dar o material como a maioria estão fazendo com os seus filhos, o que adianta ter tudo e não ter amor, compreensão, aconchego, um lar?... Lembre está é uma nova oportunidade e o que passou, passou. Aproveite este presente de oportunidade que Deus Permitiu você ter nesta vida.

      Espero ter te ajudado em algum ponto.
      Que Deus Abençoe a sua missão de mãe, e que cubra a sua filhinha de Bênçãos.
      Que Jesus nos ampare sempre.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  5. olá tenho uma marca de nasçensa no meu pulso v virado para baixo queria saber só isso .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, amigo leitor!
      Agradeço pela visita ao Jardim Espírita.

      Como a Doutrina Espírita nos ensina as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria.

      Não lembrarmos das nossas vidas passadas é como um remédio para o nosso espírito, pois fatos que vivenciamos não seria interessante lembrarmos na vida atual na matéria, seria mais “uma cruz” para carregar. O véu do esquecimento nos possibilita uma proteção para nós e para os outros, e o incentivo de seguir em frente e trabalhar cada vez mais no bem a nossa existência material. As lembranças do passado só veem quando necessitamos realmente e quando Deus permite lembrarmos ou receber informações do nosso passado para o nosso próprio bem.

      Se a sua marca de nascença não interfere na sua vivencia, se ela não te deixa com melancolia... Se for apenas curiosidade, não der tanta importância, pois a vida segue o seu curso, e compete a nós sermos senhores do nosso destino, pois temos o livre arbítrio. Todos nós devemos pegar o caminho cada vez mais para o amor, para o bem, para a caridade... Alicerçar a nossa vida nos ensinamentos de Jesus. Vivamos está vida que é de grande oportunidade, se não lembramos do passado é porque não é oportuno saber. Vivamos o presente para alcançar voos mais altos no futuro.

      Espero ter te ajudado em algum ponto.
      Te desejo, paz, luz e harmonia.
      Que Jesus sempre nos ampare.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  6. Olá! Estou encantada com o blog, muito bom trabalho.

    Tem algo que sempre me intrigou, eu tenho uma marca de nascença nas costas, até aí tudo bem, mas meu marido tem essa mesma marca, no mesmo lugar que a minha se apresenta, no lado direito das costas, e com a mesma forma e cor, a diferença, é que a dele é maior que a minha.
    Poderia haver alguma ligação? Teríamos passado pela mesma experiência, talvez, em uma vida passada e hoje trazemos essa mesma marca?
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Thairys! Te agradeço pela visita ao Jardim Espírita, e estou muito contente que você gostou do blog. Estou sempre atualizando, colocando novas postagens.

      Os Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficaram gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria.

      E como um pai que protege os seus filhos, Deus em Sua Infinita Sabedoria, sabendo que AINDA não somos capazes de superar o nosso passado nem de aceitar o passado das outras pessoas, Lançou o véu do esquecimento sobre nós; o fato de não lembrarmos do passado é porque não seria interessante para nós. As lembranças do passado só vem quando necessitamos realmente e quando Deus permite lembrarmos ou receber informações do nosso passado para o nosso próprio bem, em que vai ter proveito para algum entendimento que estejamos necessitados.

      Em relação a sua pergunta se poderia haver alguma ligação entre a sua cicatriz e a do seu marido, só podemos dar a Possibilidade, pois para você ter certeza do fato você teria que fazer uma regressão, ou terapia de vida passada, ou por meio de sonho e POR NECESSIDADE a espiritualidade superior permitir que você lembrasse de algo. No entanto, a POSSIBILIDADE é que sim pode haver ligação entre a cicatriz de vocês, devido as características tão parecidas vocês podem ter vivenciado alguma experiência marcante.

      Se vocês não tem dificuldades emocional negativa em relação as cicatrizes, ou seja, se não deixam vocês tristes, melancólico..., acho que não há necessidade de “escavar” o passado, de trazer o passado novamente para o presente. Temos que ter a consciência que, cada vida que vivemos é uma nova oportunidade, um presente dado por Deus para que possamos recomeçar. Deixando passar o que passou, se ficarmos apenas fixos no passado vamos esquecer de viver o presente, e assim construir um futuro cada vez mais com amor.

      Que as marcas de nascença sejam comprovações da reencarnação, que tenhamos consciência que vivemos em um passado, mas que não somos vitimas permanente dele, que a superação é necessária e possível para o nosso progresso.

      Edifiquem a relação matrimonial de vocês cada vez mais voltada para o verdadeiro amor, seguindo os ensinamentos do Cristo Jesus, com atitudes de caridade para com o próximo, exercitando cada vez mais o companheirismo entre vocês, a ajuda mutua, um relacionamento cada vez mais sólido... Aproveitem a vida presente, se amem cada vez mais. Aproveitem esta nova oportunidade na matéria que é única, e o que passou passou, agora é um novo inicio e o amor tudo sara, tudo compreende, tudo vence, tudo purifica... exercitem o verdadeiro e abnegado amor.

      Que Jesus abençoe cada vez mais a vida matrimonial de vocês, e que ilumine seus caminhos.
      Paz, luz e harmonia. Que Jesus nos ampare sempre!
      Jardim Espírita.

      Excluir
    2. Obrigada pela resposta e pelos votos de felicidade!

      Belas palavras... na verdade essa marca não me traz nenhum desconforto, e acredito que a ele tb não. Certa vez ao olhar fixamente para ela fui acometida por uma sensação de tristeza, mas decidi não me apegar a isso, uma vez que o passado deve ficar para trás. Sempre achei que essa "coincidência" de nós dois termos a mesma marca de nascença, pudesse significar uma possível ligação espiritual, um fato que ocorreu no passado, alguma coisa que foi o motivo de termos nos unido nessa vida, não sei pq, mas sinto isso. Porém, não tenho interesse em desvendar o passado, talvez fosse doloroso demais reviver certas coisas, que Deus em sua infinita sabedoria deixou sobre o véu do esquecimento.

      Agradeço a atenção.
      Paz contigo!

      Excluir
    3. Thairys, fiquei contente que a resposta foi satisfatória para você. E que bom que você já tem um entendimento mais maduro em relação as marcas de nascença. E já que você sente que um dos motivos da união de vocês está neste fato, então se amem cada vez mais, aproveitem mais esta oportunidade na matéria que é um presente de Deus, e edifiquem os sentimentos bons.
      Espero sempre a sua visita ao Jardim Espírita.
      Abraço.
      Paz, luz e harmonia! Que Jesus sempre nos ampare!
      Jardim Espírita.

      Excluir
  7. Olá, tenho vários sinais de carne espalhados pelo corpo eles são redondos e em alto relevo um do lado esquerdo do rosto na bochecha um do lado direito do braço um na perna esquerda e um na nuca gostaria de saber o que significa acho muito feio sou toda cheia de pequenos sinais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, amiga leitora! Agradeço pela visita ao Jardim Espírita.

      Esses seus sinais de carne são de nascença? Ou vem aparecendo com o decorrer do tempo?

      Bem, como está na postagem acima, aprendemos com a Doutrina Espírita que as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficaram gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos.

      E como um pai que protege os seus filhos, Deus em Sua Infinita Sabedoria, sabendo que AINDA não somos capazes de superar o nosso passado nem de aceitar o passado das outras pessoas, Lançou o véu do esquecimento sobre nós; o fato de não lembrarmos do passado é porque não seria interessante para nós. As lembranças do passado só vem quando necessitamos realmente e quando Deus permite lembrarmos ou receber informações do nosso passado para o nosso próprio bem, em que vai ter proveito para algum entendimento que estejamos necessitados.

      Paz, luz e harmonia.
      Jesus nos ampare sempre.
      Jardim Espírita.

      Excluir
    2. Não nasci, mais eles começaram a aparecer quando tinha um ano de idade e foram crascendo

      Excluir
  8. Oi, tenho uma marca de nascença na coxa. Quando eu era mais nova, era na perna, mas ela acabou subindo por causa do meu crescimento. A minha perna tem a panturrilha atrofiada, ou seja, é mais fina que a do lado esquerdo. O que significa?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, amiga leitora! Agradeço a visita ao Jardim Espírita!

      Como está na postagem acima, o Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficaram gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos.

      E como um pai que protege os seus filhos, Deus em Sua Infinita Sabedoria, sabendo que AINDA não somos capazes de superar o nosso passado nem de aceitar o passado das outras pessoas, Lançou o véu do esquecimento sobre nós; o fato de não lembrarmos do passado é porque não seria interessante para nós. As lembranças do passado só vem quando necessitamos realmente e quando Deus permite lembrarmos ou receber informações do nosso passado para o nosso próprio bem, em que vai ter proveito para algum entendimento que estejamos necessitados.

      Devemos sempre construir agora as bases para um futuro cada vez mais de luz, nos desfazendo do passado, pois o que passou passou.

      Que Deus te abençoe e Jesus nos ampare sempre!
      Jardim Espírita.

      Excluir
  9. Boa Noite.
    Quando tinha poucos meses de vida fiz uma cirurgia no intestino que deixou uma cicatriz no profunda abdômen. Com isso, nasci cheio de cuidados e excesso de proteção por parte de minha mãe. Tinha vergonha de jogar bola sem camisa e do meu corpo, evitando me olhar no espelho. Isso me fez relaxar com o corpo e ser um adolescente obeso.
    Só hoje, aos 34, é que recuperei a forma física com academia e outros esportes. Mas a cicatriz me acompanha. Não tem jeito.
    O que pode ser? Dei uma facada em alguém na outra vida?
    Só sei que ela foi um dos grandes fatores de minha baixa estima durante a minha adolescência e vida adulta, contando com isso o pai alcoólatra, a mãe protetora e outros distúrbios sexuais.
    Eu devo ter sido um "primor" de cidadão na outra vida para me ferrarem tanto nessa!(Risos irônicos)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, amigo leitor! Agradeço a visita ao Jardim Espírita!

      Essa sua cicatriz sendo originaria de uma cirurgia nos seus primeiros meses de vida é referente a esta vida presente, sendo assim não há ligação com marcas de nascença, nem de vidas passadas, a origem é desta vida. Quem sabe essa cirurgia que você fez, não salvou a sua vida, não te deu uma qualidade de vida boa, confortável, para você ser o que é hoje e com um corpo em forma e poder praticar esportes. Claro que o período da infância e principalmente o da adolescência são períodos difíceis na vida de qualquer ser humano, a vergonha é uma “amigo” não muito confortável nestes períodos, em que se tem vergonha do corpo muitas vezes sem carregar nenhum defeito físico, não raros são os adolescentes que tem esse tipo de preocupação com a forma física, principalmente nesta geração de agora em que observamos muitos jovens obesos, e com isso vem a vergonha, vem a falta de qualidade de vida, vem doenças...

      Na vida adulta amadurecemos, somos capazes de encarar como somos, e neste período surge a aceitação. Primeiro temos que nos amar como somos, não importando os defeitos as marcas, pois marcas existem para serem superadas. E esta marca que você carrega amigo leitor, pode ter sido um ponto favorável em sua vida, em que te proporcionou a viver, sendo assim não tenha vergonha dela, nem de viver, se as pessoas ficarem olhando, qual o problema?! Todos podem e muitos já passaram e irão passar ou estão passando por cirurgia para reparar o corpo físico que está danificado, e se a ciência tem a capacidade de hoje ter vários tratamentos é porque Deus Permite tais tratamentos, cuidados para a melhora do corpo físico humano.

      Apenas perceba o que você foi capaz de fazer, recuperar a sua forma física, e isto é ótimo, pois nem sempre as pessoas consegue emagrecer e viver uma vida saudável, confortável, ter uma boa qualidade de vida.

      Conheço uma pessoa que também passou por uma cirurgia no seu período de infância, e hoje também tem 34 anos, e a marca da cirurgia ainda está lá, e no local da marca é dormente, não sentindo nenhuma sensibilidade no local, mas esta pessoa não se preocupa com isto, e nem com as demais marcas de nascença que se apresenta em seu corpo, tendo marcas nos brancos, mão, rostos, sendo esta pessoa espírita passou a compreender que o passado passou e que hoje pode fazer um ótimo trabalho para o seu futuro, trabalhando o amor, a caridade, seguindo e aprendendo cada vez mais os Ensinamentos de Jesus. Que é isto que importa, e não o nosso passado, pois se Deus não nos permite lembrar do passado, é porque Deus Sabendo que AINDA não somos capazes de superar o nosso passado nem de aceitar o passado das outras pessoas, Lançou o véu do esquecimento sobre nós; o fato de não lembrarmos do passado é porque não seria interessante para nós. As lembranças do passado só vem quando necessitamos realmente e quando Deus permite lembrarmos ou receber informações do nosso passado para o nosso próprio bem, em que vai ter proveito para algum entendimento que estejamos necessitados.

      A RESPOSTA CONTINUA ABAIXO...

      Excluir
    2. Tem coisas que devemos esquecer, deixar de lado, do que ficar sofrendo e esquecer de viver a vida presente e apenas ficar atraindo negatividade. Passe a encarar a sua marca de cirurgia como algo que te proporcionou a viver, vá exercitando ver ele de outra forma, vá exercitando em aceitá-la,vá exercitando em assumi-la, esses exercícios vai criando resultados aos poucos não é de um dia para o outro, nem de uma semana para outra, nem de um mês para outros, apenas comece a aceitar se você falhar apenas recomece novamente, pois temos sempre oportunidade de recomeçar e de nos melhorarmos.

      Quanto a pai alcoólatra este é outro mau que persegue tantas pessoas, desde da infância até a velhice, o difícil é você encontrar uma pessoa que não faz uso de álcool, porque a maioria faz uso de algo, e outros chega ao nível de alcoólatra e assim dificultando a vivencia com a família e da família. E quanto a sua mãe ser protetora demais, acho que ela teve muitooo medo de perder você, e a partir daí se dedicou mais do que devia a você quem sabe?! E em relação aos distúrbios sexuais, isto ocorre com muitos adultos, seja homens ou mulheres, mas que tudo começa com a aceitação de si mesmos, de amar o corpo físico que Deus nos permitiu a ter e está feliz com ele, a partir daí se cria a segurança que é fundamental na área sexual.

      Não pense no que você foi, mas si no que você pode fazer agora e ter um futuro com ótimos resultados. E passe a aceitar a você mesmo. E não a pensar no passado seja desta vida ou de outras. Pois, o que passou passou. Devemos nos firmar nos ensinamentos de Jesus cada vez mais, construir o amor por si mesmo e pelos outros, praticar a caridade... Construir a paz interior e a Harmonia...

      Isto é o que tenho a te dizer. Espero que seja útil, que tenha te ajudado em algum ponto.
      Que Deus te abençoe, e que Jesus nos ampare sempre.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  10. Olá! Boa tarde!!! Meu nome é Patrícia Soraia, tenho anos e sou advogada. Há alguns dias, assisti um programa de TV que tratou dos significados dos sinais de nascença e, a partir de então, o tema me despertou grande curiosidade justamente porque tenho um sinal de nascença bem diferente, na região abdominal, do meu lado esquerdo, pegando um pouco da barriga até o início do quadril e tem o formato de um "S". Durante a minha infância e adolescência, chegou a me incomodar um pouco, porque as pessoas sempre queriam ver de perto e tocar, eu sentia vergonha...mas, depois de um tempo me acostumei, e ele passou a ser uma verdadeira marca identificadora minha. É um sinal bonito, parece até que foi desenhado, mas minha mãe nunca soube o porquê desse sinal, não é genético, ninguém na minha família o possui e ele é sobre a pele. Quando encontrei este blog, enxerguei aqui a possibilidade de talvez ter uma explicação para ter nascido com esse sinal e gostaria muito de saber o que você pensa e pode me explicar sobre ele! Desde já, agradeço imensamente a atenção! Deus abençoe!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Patrícia! Agradeço a visita ao Jardim Espírita, é com alegria que recebemos nossos visitantes. Espero ajudar você de alguma forma.
      Marca de nascença traz muita curiosidade para as pessoas, isso é inevitável, todos que possuem marca de nascença fica curioso. No entanto, a espiritualidade nos fala que nem sempre estamos preparados para saber a origem de tais marcas, que é melhor a vida seguir, e não dar tanta importância para as marcas, porque algumas vezes podemos ficar abalados com tais informações da sua origem.

      O Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficaram gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos com as experiências adquiridas na vida atual.

      E como um pai que protege os seus filhos, Deus em Sua Infinita Sabedoria, sabendo que AINDA não somos capazes de superar o nosso passado nem de aceitar o passado das outras pessoas, Lançou o véu do esquecimento sobre nós; o fato de não lembrarmos do passado é porque não seria interessante para nós. As lembranças do passado só vem quando necessitamos realmente e quando Deus permite lembrarmos ou receber informações do nosso passado para o nosso próprio bem, em que vai ter proveito para algum entendimento que estejamos necessitados.

      Em relação a sua marca de nascença não ser genética, isso é porque somos seres individuais, cada um com um caminho embora fazendo parte de uma mesma família carnal. Isto foi de uma experiência que você vivenciou, uma experiência sua. Conheço uma menina, que hoje é pré adolescente ela nasceu com uma marca como se fosse de uma cirurgia cardíaca, essa marca era aparente, no entanto, hoje em dia essa marquinha desapareceu.

      Devemos sempre construir agora as bases para um futuro cada vez mais de luz, nos desfazendo do passado, pois o que passou passou. E o que realmente fica no nosso espírito é o aprendizado do evangelho, é o amor, é a caridade, é amar o próximo, é seguir cada vez mais os ensinos de Cristo Jesus.

      Espero com sinceridade ter te ajudado de alguma forma. E seja sempre bem vida ao Jardim Espírita, para aprender, relaxar, fazer prece.
      Que Deus te abençoe. E Jesus nos ampare sempre.
      Paz, luz e harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  11. Bom dia!!!! Mais uma vez, venho registrar meu agradecimento por suas tão sábias e serenas palavras... incrível como o simples fato de as ler, nos traz uma paz interior!!! Muito obrigada!!! Paz, luz e harmonia para todos nós!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia, Patrícia! Ficamos muito felizes por termos sido útil a você, esperamos a sua visita sempre ao Jardim Espírita. Agradecemos pelas visitas. Fica com Deus.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  12. Olá li seu artigo, achei muito interessante. E possuo diversas manchas no corpo . Uma preta bem redonda no meio das costas, uma "lista" fina que vai do estômago ao umbigo marrom-rosada (essas duas eu gosto) . Mas possuo uma marrom claro avermelhada embaixo do braço que eu não gosto. Vai parecer estranho mas possuo uma linha fina e rosada que percorre meu corpo inteiro do braço, barriga, parte interna das pernas e acaba no final do tornozelo. Poderia me explicar o motivo de tantas marcas. Penso nisso desde criança, agradeço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Stella! Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita.

      Como você viu na postagem acima, o Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficaram gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos com as experiências adquiridas na vida atual.

      No entanto, a espiritualidade nos fala que nem sempre estamos preparados para saber a origem de tais marcas, que é melhor a vida seguir, e não dar tanta importância para as marcas, porque algumas vezes podemos ficar abalados com tais informações da sua origem, por isso que Deus para nos proteger de muitas coisas, e Sabendo que AINDA não somos capazes de superar o nosso passado nem de aceitar o passado das outras pessoas, Lançou o véu do esquecimento sobre nós; o fato de não lembrarmos do passado é porque não seria interessante para nós. As lembranças do passado só vem quando necessitamos realmente e quando Deus permite lembrarmos ou receber informações do nosso passado para o nosso próprio bem, em que vai ter proveito para algum entendimento que estejamos necessitados.

      Marcas de nascença requer nossa aceitação e seguir sempre em frente sem dar tanta importância, porque cada vida é uma grandiosa oportunidade de recomeçar. O que podemos fazer por nós e o que devemos sempre fazer é construir agora as bases para um futuro cada vez mais de luz, nos desfazendo do passado, pois o que passou passou. E o que realmente fica no nosso espírito é o aprendizado do evangelho, é o amor, é a caridade, é amar o próximo, é seguir cada vez mais os ensinos de Cristo Jesus.

      Espero ter te ajudado de alguma forma Stela. E seja sempre bem vinda ao Jardim Espírita.
      Que Deus te abençoe. E que Jesus nos ampare sempre.
      Paz, luz e harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  13. Oi boa tarde! As minhas orelhas são amassadas na ponta... é impressionante que elas são iguais no sentido de estarem amassadas...apesar de estármos em uma nova oportunidade aqui na Terra, gostaria muito de saber o que significa...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Karen! Agradeço a visita ao Jardim Espírita.
      Karen, marca de nascença traz muita curiosidade para as pessoas, no entanto, a espiritualidade nos fala que nem sempre estamos preparados para saber a origem de tais marcas, que é melhor a vida seguir, e não dar tanta importância para tais marcas, pois podemos não estarmos preparados pra saber as informações da origem delas. Por isso, que Deus para nos proteger nos lançou o véu do esquecimento do passado, para podermos seguir com nossa vida na matéria e não ficarmos presos ao passado. Pois, as lembranças do passado só vem quando necessitamos realmente e quando Deus permite lembrarmos ou receber informações do nosso passado para o nosso próprio bem, em que vai ter proveito para algum entendimento que estejamos necessitados.
      Espero ter te ajudado de alguma forma.
      Seja sempre bem vida ao Jardim Espírita.
      Paz, luz e harmonia. Que Deus te abençoes.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  14. Ola,primeiramente queria falar que gostei muito do blog. :)
    Sabe,eu tenho um sinal na perna direita,ele tem forma redonda e um coraçao na coxa esquerda, e eu sempre amei elas,porem de uns dias pra ca eu tenhi andado um pouco curiosa.
    Mas o que mais me entrigou foi q eu vi que meu namorado também tem uma marca em formato de ciraçao na costela,ele e meu 1 namorado,mas eu sinto que nos conhecemos nao é de agora,temos uma conexao muito forte um com o outro. Bjins

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amiga leitora! Ficamos felizes por você ter gostado do Jardim Espírita, e agradecemos pela visita.

      Em relação a sua pergunta: A curiosidade é algo inevitável para que tem marca de nascença. Nem sempre é permitido a pessoa saber da origem de tais marcas,apenas quando a pessoa está necessitada realmente saber sobre tal origem.
      Como você viu na postagem acima, a Doutrina Espírita nos esclarece que marca de nascença é uma evidência da reencarnação. Ou seja, é uma comprovação de que já vivemos outras vidas. E assim há a possibilidade de já termos convivido com as pessoas que encontramos nesta vida, seja nossos familiares, amigos, namorados(as), conhecidos...
      Espero ter te ajudado de alguma forma. E seja sempre bem vinda ao Jardim Espírita.
      Que Deus te abençoe.
      Paz, luz e harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  15. Tenho uma marca de nascença na lateral direita da cabeça do tamanho de uma tampa de garrafa. Um pouco acima da orelha. Sou Perito Criminal e não consigo ver minha vida longe da carreira policial.
    A questão é que meu avô morreu em 1964, quando minha mãe tinha 4 anos. Deixando minha avó sozinha para criar minha mãe. Minha avó tinha parentes em outro Estado, mas quando se mudaram para Brasília, acabaram perdendo contato com todos eles. Um advogado as roubou. Levou todos os bens do meu avô falecido e a pensão da minha avó (na década de 1990, ela conseguiu recuperar a pensão.).
    Meu avô era Policial Civil e gostava de andar a cavalo. Um dia resolveu ir a algum lugar montado no cavalo. Então, algo assustou o cavalo. Ele começou a pular. Meu avô foi lançado para o alto. Caindo no chão de cabeça. Morreu no local de traumatismo craniano.
    Não sou muito de conversar sobre isso, mas acho que sou meu avô morto.

    ResponderExcluir
  16. oi tenho uma mancha na perna ,meu filho tem no braço,minha filha tem na perna ,,,o que significa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, amigo leitor Ricardo! Agradeço a visita ao Jardim Espírita, e sinta-se bem vindo sempre.

      Como vimos na postagem acima as marcas de nascença são evidências de vidas anteriores, comprovando a reencarnação. O Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos do passado com as experiências adquiridas na vida atual.

      Nestas diversas encarnações encontramos quase sempre os mesmos espíritos no nosso ciclo de convivência, em que vamos criando cada vez mais ligações. Esses “encontros na matéria” permite a aperfeiçoamento dos espíritos e a experiências em que levam o espírito progredir.

      Espero que a resposta seja útil e que sirva de reflexão de que já tivermos várias outras vidas, e que esta é um verdadeiro presente em que temos a oportunidade de encontrar novamente na matéria espíritos que convivemos em outras vidas.

      Agradeço a visita ao Jardim Espírita, e sinta-se bem vindo sempre.
      Paz, luz e harmonia.
      Que Jesus nos ampare sempre.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  17. Ola, adorei o blog e bom eu tenho uma marca de nascenca redonda e vermelhinha (nao é muito pequena) no me braço direito a uns 10 centimetros a baixo do ombro. Ninguem na minha familia tem so eu mesmo e tenho pequenas cicatrizes na mao direita mas nao me lembro de ter motivado nenhuma delas .. Gostaria que me ajudasse a entender isso e desde ja muito obrigado .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, amigo Leitor!
      Fico feliz que tenha gostado do Jardim Espírita.

      Em relação a sua pergunta, como a Doutrina Espírita nos esclarece as marcas de nascença são evidências da reencarnação. O fato de ninguém da sua família ter uma marca de nascença como a sua, é que, as marcas de nascença não é uma questão genética, e sim do próprio espírito, em que vivenciou tais experiências fortes em uma vida passada, com intensa carga emocional, e assim criou no corpo espiritual, que é o perispírito, uma marca semelhante,desta forma quando o espírito reencarna novamente não tendo superado tal experiência do seu passado na matéria, transporta para o corpo físico as que chamamos de marcas de nascença.

      Mas, a lição que fica para nós de marca de nascença é a que os espíritos benfeitores sempre dizem, que: Na maioria das vezes nós encarnados não estamos prontos para saber das nossas vidas passadas, e nem prontos para saber quais experiências levou à termos as marcas de nascença.

      Devemos viver o presente da melhor forma possível, e sempre voltados para o amor, para o bem e para a caridade, ou seja, vivenciar cada vez mais os ensinos de Mestre Jesus, pois só assim poderemos deixar o passado para trás e viver o grande presente que Deus nos permitiu ter, a vida presente. E ter a certeza que o que passou, passou. Dizer para si mesmo esta é uma nova vida, uma nova oportunidade, e que somos capazes de superar a nós mesmos. E que tais marcas não mais tem tanto poder sobre nós, que o nosso emocional está cada vez mais se desenvolvendo para o amor, para a luz; pois somos seres em evolução, em progresso, e esse adiantamento depende de muitas encarnações. Mas o que fizemos em tais encarnações anteriores? Não podemos saber, pois Deus usa o esquecimento do passado sobre nós, para nos proteger, e assim deixar a nossa negatividade, nossos erros, nossos sofrimentos, nossas dificuldades para trás, para assim irmos construindo nosso progresso rumo a luz.

      Espero que minha resposta tenha te ajudado a refletir sobre o tema, que tenha sido útil em algum ponto para você

      Agradeço a visita ao Jardim Espírita.

      Que Deus te abençoes. E que Jesus nos ampare sempre.
      Paz, luz e harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  18. Boa tarde! Vi que o Espiritismo mostra que manchas de nascença são comprovações de vidas passadas. Tenho uma marca de nascença na parte de dentro da coxa esquerda e se parece muito com o mapa do Brasil. Eu acho isso e todo mundo que vê diz a mesma coisa. Poderia dizer algo a respeito do formato dela? Obrigada e parabéns pelo trabalho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, amigo(a) Leitor(a)! Agradeço a visita ao Jardim Espírita e fico feliz que tenha gostado do nosso conteúdo.

      Embora a sua marca de nascença tenha uma forma diferente, com o formato do mapa do Brasil; conheço uma pessoa que tem também uma marca em forma de mapa do Brasil na perna esquerda.

      As pessoas sempre escrevem falando das suas marcas de nascença, e quando é em forma diferente pensamos que não tenha outra parecida, no entanto, sempre aparece alguém com a mesma forma. Como por exemplo, marcas de nascença em forma de coração, é um formato diferente para uma marca de nascença, mas algumas pessoas já escreveram perguntando sobre marcas de nascença em forma de coração, ou seja, embora tenha uma forma diferente não é algo isolado e nem raro de encontrar.

      Como você viu na postagem acima, o Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos do passado com as experiências adquiridas na vida atual.

      E é apenas com a permissão de Deus que podemos saber de algo do passado, ninguém está apto para decifrar o passado de ninguém, apenas se Deus assim o permitir, e Deus só permite quando é necessário.

      Espero que tenha te ajudado em algum ponto. E fique sempre a vontade para voltar ao Jardim Espírita.

      Que Deus te abençoe. E Jesus nos ampare sempre.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
    2. Obrigada pela resposta. Minha tia, irmã de meu pai, tem uma mancha no braço esquerdo em forma de coração.

      Excluir
  19. Bom dia! Adorei o blog e gostaria muito que esclarecesse o que pode significar minhas duas marcas de nascença: tenho uma mancha branca pequena na minha costela direita, meu pai tem a mesma mancha (idêntica) no mesmo lugar.
    Também tenho uma mancha na íris do olho direito e meu noivo tem a mesma mancha! Ambas nunca me incomodaram ou me passaram sensações ruins, mas acho uma incrível coincidência a identificação tanto com meu pai quanto com meu noivo. Obrigada e um forte abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Mariana. Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita, e fico feliz que tenha gostado do blog.

      Como você viu na postagem acima, para a Doutrina Espírita, as marcas de nascença são evidencias de vidas passadas, reencarnação.

      Assim, na maioria das vezes as pessoas da nossa família e do nosso convívio se compõem de pessoas que conviveram conosco em uma vida passada, em que ajudam uns aos outros no progresso de cada um. Nisto, passamos por varias experiências juntos, sendo positivas ou negativas, em que muitas vezes essas experiências negativas (na maioria das vezes) podem terem marcado nosso espírito com muita intensidade emocional, e que tais experiências intensas ficaram gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos do passado com as experiências adquiridas na vida atual.

      Algumas pessoas já escreveram falando que o pai tem a mesma marca de nascença que o filho, ou que o marido e a esposa possuem as mesmas marcas de nascença, ou seja, não são fatos isolados e nem difíceis de se achar.

      E é apenas com a permissão de Deus que podemos saber de algo do passado, ninguém está apto para decifrar o passado de ninguém, apenas se Deus assim o permitir, e Deus só permite quando é necessário.

      Espero que tenha te ajudado em algum ponto. E fique sempre a vontade para voltar ao Jardim Espírita.
      Que Deus te abençoe. E Jesus nos ampare sempre.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  20. Que matéria interessante! Eu tenho uma marca de nascença amarronzada de diâmetro de um cm no meu quadril, do lado direito, exatamente como o meu pai, só que a dele é um puco maior. Também nasci com uma pinta no lado esquerdo do nariz, assim como ele. Essa marca do quadril nunca me trouxe tristeza, sempre a mostrei com um certo orgulho. O que me deixava curiosa era por que dentre os três filhos, só eu havia nascido com esses dois sinais idênticos aos do meu pai. Acho muito legal as explicações espíritas. Engraçado que no decorrer da vida, meu pai na juventude passou por problemas no joelho, problemas pelos quais eu também venho passando. Não sei se é tudo coincidência. Mas é muito curioso, tudo isso. Um grande abraço! Muita Paz a todos nós!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Lassana! Agradeço pela visita ao Jardim Espírita e volte sempre.

      Excluir
  21. Olá..meu..bebe..tem..1..ano..e..1.mes..e.nasceu..com..uma..manchinha..tipo..framboesa..vermelha..em..cima..da..cabeça..proximo..a.testa..o..pediatra..disse..que..ate..os..dois..anos..sai..mas..ate..agora..esta..igual..o..que..seria..issso.marca..de..outra..encarnação?Antes..de..engravidar,tipo..um..mes..antes..vi..um..anjo..ao..lado..de..uma..vela..apagada..na..minha..casa..tirei..foto..e..era..um..anjo..pequeno..e.realmente..meu..filho..é..um..anjo..tem..a.ver..será?Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Karoline. Agradeço a visita ao Jardim Espírita.

      Karoline, em relação a sua primeira pergunta; na minha família nasceu uma criança com uma certa marca de nascença, uma mancha avermelhada, no entanto, a partir em que ela foi se desenvolvendo essa mancha desapareceu, por volta dos seus 7 anos. Ou seja, há manchas que desaparecem com o tempo. E todos nós já passamos por várias e várias reencarnações, estas encarnações nos deixam marcas seja marcas físicas, ou psíquicas, por isso que temos a necessidade de reencarnar para superar essas dificuldades que carregamos nosso espírito, o planeta Terra é a nossa grande escola.

      E em relação a sua segunda pergunta; há mulheres grávida, ou mulheres que vão serem mães no futuro, em que os futuros filhos se mostram para suas mães ou familiares. Isso não é um fato isolado. Há um livro chamado Vida Antes da Vida, de Sarah Hinze, em que ela conta vários casos de contatos espirituais de futuros filhos com suas mães ou parentes futuros.

      Há um outro ponto a resaltar nesta sua segunda pergunta, é que já fomos átomos, passamos pelo reino mineral, depois vegetal, depois animal e agora estamos vivenciando a vida humana até chegarmos a sermos anjos, no entanto, para chegar até esse nível de anjo vamos passar por varias e varias encarnações ainda e em diferentes estágios evolutivos.

      Os anjos estão vivendo em mundo angelicais, com um estado vibracional inimaginavelmente diferente do nosso, não são mais espíritos errantes como nós, que precisamos reencarnar para aprender. Para um anjo aparecer em um mundo como o nosso, e vim a encarnar em meio a nós tem que ser com uma grande missão comparável com a de Jesus Cristo.

      E anjos já não carregam mais marcas de nascença, pois já se despojaram-se de todas as suas dificuldades e erros espirituais, carregamos marcas de nascença por ainda sermos meros aprendizes, no inicio da nossa estrada evolutiva.

      Espero que a resposta tenha sido útil a você, e que tenha te ajudado em algum ponto. Seria interessante você ler esta postagem sobre reencarnação, e a evolução espiritual, segue o link: http://jardim-espirita.blogspot.com.br/2013/05/post41-reencarnacao.html
      Seja sempre bem vinda ao Jardim Espírita.

      Que Deus te abençoe. E Jesus nos ampare sempre.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  22. Olá,tenho uma marca de nascença muito pequena na minha coxa esquerda,nesta mesma perna já na altura do quadril tenho uma peculiaridade do meu osso estalar ao andar.Já fui ao médico e ele disse que não era nada de grave,que era uma coisa "normal". Quando cresci,comecei a ler e pesquisar muito na internet assuntos sobre espiritismo e fiquei encucada com isso.
    Outra coisa é que por duas vezes tive sonhos muito estranhos,pareciam lembranças.Neste sonho eu acordava e me sentia confusa,não conseguia entender nada,havia pessoas e em particular um homem que me tratava com intimidade e falava comigo,mas quando ia olhar seu rosto,eu acordava.Nas duas vezes que eu tive esse sonho,eu acordava me sentindo estranha,ficava muito mexida.Até hoje esses dois sonhos me intrigam,nunca esqueci e lembro até hoje.Tenho vontade de fazer regressão e tentar descobrir se é a minha vida passada.
    Também tenho muitos sonhos em que eu levo um tiro.Já por duas vezes sonhei em que um homem me perseguia e eu me sentia desesperada fugindo dele.Mas ele acabava me encontrando e me dando um tiro no abdômen.Esse já é diferente do que eu falei acima,porque nesse eu não sinto dor,apenas o impacto do tiro entrando no meu corpo.
    Gostaria que me desse uma opinião sobre isso.Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Georgie. Agradeço pela visita e por participar do Jardim Espírita.

      Somos seres espirituais vivenciando a experiência física para o nosso progresso, o nosso corpo físico é o veículo que nos possibilita a vivencia na matéria. Quando dormimos o nosso espírito sai do corpo, o espírito não fica na inércia como o corpo físico fica durante o sono, assim vamos vivenciar experiências espirituais, nos encontramos com outros espíritos estejam encarnados ou desencarnados, sejam eles espíritos que viveram conosco em outras vidas ou não, sejam eles espíritos bons ou espíritos que ainda são inferiores. As experiências vivenciadas por nós na condição de espírito durante o sono vai depender de como levamos nossa vida; se vivenciamos o bem, cultivando bons sentimentos, se estudamos o evangelho com sinceridade para aprender e por em pratica, se praticamos a caridade, se lemos textos e livros edificantes, musicas com conteúdo de paz, ai vamos ter na condição espiritual durante nosso sono físico boas experiências, bons encontros espirituais com espíritos voltados para o bem. Mas, se vivenciarmos coisas negativas, assistir programação, ou filmes com conteúdo violento, se cultivarmos sentimentos inferiores, se tivermos raivas, ou passarmos por momentos de stress, conversas negativas... tudo que é mal em diferentes graus vai de alguma forma nos afetar, afetar nosso espírito, e assim com a vibração baixa nos encontramos com espíritos inferiores em que possamos vivenciar experiências de violências, de desconforto, de tristeza...

      Vivemos em uma sociedade muito violenta, de diversas formas e de diversos graus, além disso a programação na TV é praticamente direcionada para a violência, como também na internet, e isso afeta nosso lado psicológico, nosso lado sentimental, em que muitas vezes o nosso cérebro pode criar de alguma forma, não diretamente imagens violentas durante o nosso sono, que afetaram o nosso campo psíquico. Ou também a nossa vibração pode baixar devido a cenas e imagens violentas, e assim podemos encontrar espíritos inferiores durante o nosso sono físico em que o espírito está vivenciando o lado espiritual. Quando você sonhar – ou vivenciar espiritualmente coisas violentas ou que te deixam desconfortáveis faça uma analise de como foi seu dia anterior, ou dos dias anteriores, de como estão seus sentimentos, seus pensamentos, do conteúdo que está vendo na TV, ou em internet. Realize prece antes de dormir. E se você sentir que realmente foi uma vivencia espiritual tais experiências faça prece por aqueles espíritos.

      Para saber se um sonho é uma lembrança do passado, se tem que perceber o ambiente, a experiência, os fatos... Quando Deus nos possibilita “sonhar” ou “lembrar” de algo de alguma vida passada nossa é que estamos necessitados de tal lembrança, para algum aprendizado. No entanto, nem sempre nossa vida passada vai ser uma maravilha, os espíritos nos avisam sobre nossa vida passada que, nem sempre estamos preparados para saber o que fomos no passado, nem estamos preparados para saber o que aconteceu, pois isso pode complicar ainda mais o nosso caminhar na vida material, por não sermos maduros o suficiente para encarar a verdade, e saber lidar com ela. É por isso que Deus nos fez esquecer do nosso passado, e só permitir lembrarmos quando estamos necessitados para nos ajudar.

      E sobre o seu osso estalar na altura do quadril, conheço uma pessoa que se estala todo, braços, pernas, quadril, até mesmo os ossos do tórax, e que carrega varias marcas de nascença pelo corpo, no braço, no rosto, nos dedos, na cabeça. Carregamos nossas marcar do passado, sejam elas no corpo físico ou na área psíquica, mas elas sevem para podermos progredir, e Deus nos dar uma nova chance de recomeçar e de acertar e de deixar nossas marcas para traz. O que importa é o que possamos ser agora e não o que fomos antes. Mas sim o agora, o que podemos fazer por nós agora?

      Espero que a minha resposta te ajude e te seja útil de alguma forma.

      Que Deus te abençoe. E que Jesus nos ampare sempre.
      Paz, luz e harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  23. Olá, tenho uma pequena marca de nascença no rosto, e constantemente tenho a sensação de já ter passado por esta ou aquela situação e ter a sensação de já conhecer determinadas pessoas e sinto que não estou onde deveria estar.O que pode ser?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, amigo(a) Leitor(a). Agradeço a visita e a participação no Jardim Espírita. Vejamos o que podemos responder a você:

      A sensação de já ter passado por alguma situação e vivencia-la novamente, ou de conhecer determinados locais que nunca esteve na atual encarnação, ou de ter a sensação de já ter conhecido determinadas pessoas sem nunca ter a visto na atual encarnação, é uma das características de Déjà-vu, em que a pessoa sente que já viveu aquele momento, que já esteve em determinado lugar e que sabe o que irá acontecer em seguida, que tem a sensação de conhecer tal pessoa... Podendo realmente ser uma lembrança real, seja de vivencia, de experiência de outras existências, ou experiências em que o espírito vivenciou durante o sono do corpo físico, em que o espírito sai do corpo e vivencia experiências espirituais, pois quando dormimos o nosso espírito sai do corpo, o espírito não fica na inércia como o corpo físico fica durante o sono, assim vamos vivenciar experiências espirituais, nos encontramos com outros espíritos estejam encarnados ou desencarnados, sejam eles espíritos que viveram conosco em outras vidas ou não.

      A sensação de conhecer determinadas pessoas, pode ser também em relação a questão de antipatia e de simpatia que sentimos pelas pessoas quando as conhecemos, caracterizando também vivencias passadas.

      E você sentir que não está onde deveria estar, bem, Deus só permiti que nascemos onde está determinado, e onde vai ser o melhor lugar para cumprimos nossa missão atual que necessitamos para o nosso progresso. Jamais iríamos nascer em um lugar errado. Na mensagem Somos o que Atraímos, de Chico Xavier, encontramos no primeiro parágrafo: Você nasceu no lar que precisava nascer, vestiu o corpo físico que merecia, mora onde melhor Deus te proporcionou, de acordo com o teu adiantamento.

      O que você pode sentir é uma saudade de onde você veio, pois nem sempre fomos brasileiros, já tivermos varias nacionalidades, e já fomos de muitas raças humanas antes desta atual encarnação, pode ser que você não esteja adaptado ainda ao atual ambiente em que se encontra, mas se Deus te proporcionou você nascer onde nasceu é por que você precisa, para o seu progresso e está de acordo com o seu atual adiantamento. Outra possibilidade desse seu sentimento de sentir que não estar onde deveria é a saudade do mundo espiritual, sim, algumas pessoas sentem falta do mundo espiritual, de onde estavam antes de nascer.

      Seria interessante você ler as seguintes postagens, pode ser muito útil a você, segue os links:
      Sobre Reencarnação: http://jardim-espirita.blogspot.com.br/2013/05/post41-reencarnacao.html

      Sobre Planejamento Reencarnatório: http://jardim-espirita.blogspot.com.br/2013/05/post-42-planejamento-reencarnatorio.html

      Sobre a saudade do mundo espiritual: http://jardim-espirita.blogspot.com.br/2015/09/post213-podemos-sentir-saudade-do-mundo.html

      Espero que tenha sido útil a você de alguma forma a minha resposta.

      Que Deus te abençoe. E Jesus nos ampare sempre.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  24. Minha irmã tem um sinal na mão esquerda como se fosse a chaga de Cristo e muito interessante gostaria de saber o significado obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Amigo(a) Leitor(a)! Agradeço a visita ao Jardim Espírita e a sua participação.

      Na visão espírita as marcas, os sinais, as manchas de nascença, são indícios que evidenciam uma vida anterior, à vida atual, ou seja, é uma evidência da reencarnação.

      O Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos do passado com as experiências adquiridas na vida atual.

      Nós espíritas sabemos que existe algo muito mais importante, que é dedicarmos-nos ao nosso aperfeiçoamento com os ensinos de Jesus Cristo, e assim seguir cada vez mais o caminho do bem, da caridade do amor ao próximo, é compreender a nós mesmos para nos elevarmos e ir depurando, limpado o espírito das suas imperfeições, sabemos que devemos viver para nos aprimorar sempre deixando para traz os traumas que o espírito carrega, para ir educando-o para o autoprogresso.
      É apenas com a permissão de Deus que podemos saber de algo do passado, ninguém está apto para decifrar o passado de ninguém, apenas se Deus assim o permitir, e Deus só permite quando é necessário. Pois, se for por termos de curiosidade, Ele sabe que não é necessário. Precisamos nos aceitar. Deus sabe o que Faz. E Jesus é o remédio para tudo, pois é com ele que tudo compreendemos.

      Que Deus te Abençoe. E que Jesus nos ampare sempre.
      Paz, Luz e harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  25. Boa tarde!
    Encontrei seu blog por acaso e achei muito interessante e enriquecedor. Gosto muito do espiritismo , e os temas relacionados chamam minha atenção .
    Pois bem , eu tenho uma marca que acredito muito ter sido resultado de uma outra vida . A forma que a descobri que foi bem.interessante. quando criança , não recordo exatamente a idade , creio que uns 7 anos , após a morte do meu pai (morreu assassinado com um tiro nas costas), Eu passei exatamente uma semana tendo o mesmo sonho, como se fosse uma continuação a cada dia , apesar de ter muito tempo, hoje tenho 31 anos, esse sonho ficou marcado na minha vida e nunca esqueci. Eu sonhava que lutava esgrima , com um homem , que em nenhum momento mostrava alguma ligação minha com ele, tipo algum parente , e seu rosto nunca apareceu. Era como se fosse um inimigo e tínhamos que lutar , achei bem estranho uma criança sonhar um tipo de luta muito pouco conhecida, e naquela época então, é tenho a certeza que não tinha visto nem filme na TV pra chegar a sonhar. Após uma semana lutando com este homem, no último dia sonho eu perdi, ele derrubou minha esgrima e com a dele levantou a minha proteção do rosto e me.cortou fazendo um "v" para baixo no meu rosto e assim acabou e nunca mais sonhei com tal coisa. Se talvez ele tivesse matado em.seguida .
    O mais interessante é que após essa experiência, ainda quando criança , eu notei q havia a mesma marca que foi feita no meu rosto no sonho, estava na parte de trás da minha coxa esquerda , o "v" Pra baixo meio inclinado pra direita. Isso me surpreendeu, mas não contei para ninguém . Achava que as pessoas não iam acreditar , que era coisa de criança, que foi um arranhão e era imaginação de criança . E até hoje está marca que parece uma cicatriz , mas bem fininha , permanece no mesmo lugar . Já adulta que resolvi contar pra minha mãe, e pra dois amigos espíritas. Questionei minha mãe se havia nascido com esta marca, mas ela n sabe. Pelo tamanho da marca, se fosse marca desta vida , haveria sangue e alguém iria notar o corte . Acredito que ela n.tenha aparecido depois dos sonhos , mas tenha.nascido comigo e ninguém notou. Por ser na parte de trás eu notei depois de uma certa idade, e minha mãe Nunca observou, já q a marca é um pouco mais escura que meu tom de pele, mas sendo duas linhas formando o V para baixo . O que acha de tudo isso???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Nivia! Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita.

      A pessoa mais indicada para decifrar, entender sonhos é a própria pessoa que sonhou, em que sabe exatamente o que viu durante o sonho e o que sentiu. E o estilo de vida em que está levando, como por exemplo: o que está vivenciando no dia a dia, o que está assistindo na TV, as emoções em que está passando, os pensamentos em que está cultivando... Contam muito para a qualidade de sonho que se tem, ou experiências espirituais que vivencia durante o descanso do corpo físico.

      Em relação a você na infância ter sonhado com a esgrima, seria interessante saber mais ou menos o tempo em que esse sonho se passou, pelas características do ambiente e do tempo, pelas roupas... Pois, a esgrima é uma luta secular, e que no seu inicio não tinha nenhuma proteção para os lutadores, principalmente se era “um combate”, eles não iriam usar proteção dependendo do tempo, e se o seu sonho se passou no tempo de competição/esporte os duelistas não iriam machucar um ao outro, há varias observações a serem feitas. A esgrima também durante os séculos vem se aprimorando, evoluindo, e novas armas foram sendo inseridas, hoje se tem os três tipos seguinte: florete, espada, sabre. Por isso que fica difícil de decifrar, é preciso saber de muitos detalhes, em que só você sabe. E só você sabe o sentimento que este sonho te passou.

      Temos que levantar a situação psicológica também, pois no período infantil somos facilmente impressionáveis. Em relação a este sonho ter se desenrolado durante uma semana, pode ser que como você era ainda criança você ficou assustada, tendo aquele sonho impressionado você, e você ter cultivado a lembrança daquele sonho durante o dia, e assim o sonho ter se desenrolado durante uma semana.

      E em relação a marca de nascença, a pessoa nasce com a marca e não desenvolve ou aparece quando o espírito está encarnado. Se no sonho o seu rival te cortou no rosto a sua marca de nascença deveria ser no rosto. Se você tem uma marca na coxa que possivelmente pode ser uma marca de nascença, esta pode ser uma outra história.

      De certa forma ficamos presos ao passado, mas temos o presente para viver cultivando boas coisas para o futuro. Espero que minha resposta tenha sido útil a você de alguma forma.

      Que Deus te abençoe. E que Jesus nos ampare sempre.
      Luz, paz e harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  26. Foi sim. Agradeço de coração pelos esclarecimentos. Fique com Deus.

    ResponderExcluir
  27. Boa noite! Por acaso vi sua pagina e achei muito interessante, pois eu tenho uma marca de nascença nas costas e no seio no lado esquerdo, a da costa e bem maior que a do seio, mas são idênticas. Por outro lado tenho uma dificuldade enorme nos meus relacionamentos amorosos teria alguma relação essas marcas, coração, morte passional sei la... Fiquei curiosa, se puder me responder. Agradeço desde já.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, amiga Leitora! Agradeço pela visita ao Jardim Espírita.

      O Espiritismo nos esclarece que, lembrar do passado só quando é necessário e quando Deus permite lembrarmos ou receber informações do nosso passado para o nosso próprio bem, em que vai ter proveito para algum entendimento que estejamos necessitados, não por fato de curiosidade. E a espiritualidade benfeitora nos informa que nem sempre estamos preparados para saber a origem de tais marcas, que é melhor a vida seguir, e não dar tanta importância para as marcas, porque algumas vezes podemos ficar abalados com tais informações da sua origem, e não sermos maduros o bastante para saber administrar tais informes.

      Ninguém pode decifrar o passado de ninguém. O que aconteceu no nosso passado pertence a Deus e a nós, e não a terceiros.

      Agradeço a sua participação.

      Que Deus te abençoe.
      Paz, luz e harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  28. Bom dia eu e o meu marido temos a mesma marca de nascença no mesmo local do mesmo jeito e da mesma forma ! O que pode significar ?

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Olá, Amigo(a) Leitor(a)! Agradeço a visita ao Jardim Espírita e a sua participação.

      O Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos do passado com as experiências adquiridas na vida atual.

      Muitas pessoas já escreveram falando das suas marcas de nascença que tem igual ao marido, ou a esposa, ou ao filho(a), ou ao pai, ou a mãe, ou ao irmão(a)... ou seja, pelo que parece não é caso isolado.

      Nós espíritas sabemos que existe algo muito mais importante, que é dedicarmos-nos ao nosso aperfeiçoamento com os ensinos de Jesus Cristo, e assim seguir cada vez mais o caminho do bem, da caridade do amor ao próximo, sabemos que devemos viver para nos aprimorar sempre deixando para traz os traumas que o espírito carrega, para ir educando-nos para o autoprogresso.

      É apenas com a permissão de Deus que podemos saber de algo do passado, ninguém está apto para decifrar o passado de ninguém, apenas se Deus assim o permitir, e Deus só permite quando é necessário. Pois, se for por termos de curiosidade, Ele sabe que não é necessário.

      Que Deus te Abençoe. E que Jesus nos ampare sempre.
      Paz, Luz e harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  29. Oi boa noite,adorei a matéria, eu tenho uma mancha no tornozelo grande no direito e uma menor no esquerdo,fiquei me perguntando porque ali e uma mancha nas costas.bjos obrigada e paz à todos

    ResponderExcluir
  30. Olá, Jessica Farias! Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita.

    Como está explicado na postagem acima, Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos do passado com as experiências adquiridas na vida atual.

    Fique sempre a vontade para visitar o Jardim Espírita.

    Que Deus te Abençoe. E que jesus nos ampare sempre.
    Paz, Luz e Harmonia.
    Jardim Espírita.

    ResponderExcluir
  31. Sou pesquisador e escritor sobre as mascas de nascença. Realmente pude comprovar que muitas dessas marcas estariam ligadas a causa "mortis" de existências passadas. Todavia, outras marcas são plasmadas no corpo do bebê, pela mente de sua mães ainda durante a sua própria gravidez devido inúmeros fatores como: emoção por determinados objetos, ou até vontade de comer alguns alimentos. Mas meu maior desafio no momento seria encontrar marcas ou alguns hieróglifos no antebraço esquerdo de determinadas pessoas. Creio que a partir daí, vou poder tirar sérias e contundentes provas sobre a existência Reencarnação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Amigo Leitor!

      Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita, e o seu comentário que nos traz mais informação a cerca desde tema.

      Como você deve ter visto nos comentários muitas pessoas escrevem perguntando sobre as suas marcas de nascença. E algumas que carregam marcas iguais a algum parente de “sangue”, ou ao esposo ou a esposa. E outras vezes marcas com formatos diferenciados como números, ou corações...

      Espero que você encontre as marcas de nascença que está procurando. Fique sempre a vontade para voltar e comentar no Jardim Espírita.

      Deus conosco. Que Jesus nos abençoe.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  32. Minhas duas filhas , gêmeas tem marcas de nascença... Uma tem no braço, igual à que o avô paterno tinha, porém a mais interessante é a da outra que é idêntica à que o pai tem no quadril direito, sendo que a dela é na nádega direita... as duas marcas parecem que se completam... A do pai é uma espécie de "meia lua" virada para cima e a dela virada para baixo...Além disso td os dois têm uma ligação mto forte e eu acredito que haja alguma ligação com vidas passadas...

    ResponderExcluir
  33. Após catalogar centenas de marcas de nascença, pude chegar a uma conclusão interessante. A maioria dessas marcas ou sinais estão armazenados nos corpos mentais dos espíritos da existência passada, as quais refletem no perispírito e depois no corpo físico. Melhor seria se as pessoas não soubessem suas origens, pois elas não são marcadas por ninguém, são marcadas pelas suas próprias consciências, que plasmam em seus corpos, uma forte emoção que pode ser: culpa, sexo, paixão, arrependimento, crimes, suicídios, ódios...Contudo, de todos casos o que mais me interessei foram os números gravados em várias partes dos corpos humanos. Cheguei a uma conclusão que essas pessoas em vidas passadas foram vítimas: gerras, escravidão e do próprio Holocausto. Todavia a maioria dos números não ultrapassam a ordem do número 50, mas por quê? Talvez esses números sejam: idades da pessoas mortas; números de plaquetas de guerra; número do antebraço das vítimas do Holocausto. Estou escrevendo um livro intitulado: "A Marca do Espírito". Mas de todas essa experiências o mais interessante foi presenciar a marca de um espírito antes de reencarnar,Esse foi um caso ocorrido em Campinas-SP., porém estamos esperando que na mesma cidade um espírito que doou um brinquedo de ursinho para sua bisneta nasça com essa marca. Se isso ocorrer talvez estarem definitivamente comprovando algo que poderá mudar a ciência (Biologia e Medicina) e muitas igrejas poderão desaparecer. Estou falando de reencarnação, aliás já escrevi um livro chamado: Reencarnação Investigação Científica - Alberto Fiorini.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Alberto Fiorini.

      Realmente, precisamos de mais matérial sobre marca de nascença. Grande número de pessoas escrevem para o Jardim Espírita perguntando de suas marcas. E o que chama atenção é o grande número de pessoas que carregam números como marca de nascença, outro fato também são as marcas em forma de coração, com desenhos geometricos, e marcas com coloração diferente ao tom da pele. Não posto todos os comentários que são enviado sobre esse tema, devido que enviam os seus emails, querendo alguma informação a respeito das suas marcas de forma mais pessoal.

      Agradeço muito o seu cometário, vem a enriquecer este tema aqui no Jardim Espírita. E nos mantenha informados sobre esse seu livro e as suas novas descobertas, é importante para nós devido a sempre estamos recebendo informações de pessoas com marcas de nascença.

      Volte sempre ao Jardim Espírita.

      Deus Conosco. Que Jesus nos ampare sempre.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  34. tenho uma manchinha verde no ombro esquerdo ,parece ser feito de caneta sei la . é como se fosse um ponto ,so que verde oque pode significar ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Amigo(a)!

      Recebemos vários cometários de leitores em que relatam apresentar marcas, ou manchas de nascença que apresentam tonalidades. Assim, não parece ser algo tão difícil de encontrar. E também com marcas de nascença em diferentes formatos, seja de coração, ou em formato geométrico, ou em forma de números.

      O que a Doutrina Espírita nos esclarece é que: os sinais, as manchas de nascença, são indícios que evidenciam a reencarnação. Que experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos do passado com as experiências adquiridas na vida atual.

      O que se devemos fazer é dedicarmos ao nosso aperfeiçoamento com os ensinos de Jesus Cristo, e assim seguir cada vez mais o caminho do bem, da caridade do amor ao próximo, é compreender a nós mesmos para nos elevarmos e ir depurando, limpado o espírito das suas imperfeições, dos seus erros, sabemos que devemos viver para nos aprimorar sempre deixando para traz os traumas que o espírito carrega, para ir educando-o para o autoprogresso. E estudar para entender os caminhos da vida, o Espiritismo nos permite isto.

      Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita. E volte sempre, temos muito assuntos para serem estudados aqui no blog Jardim Espírita.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  35. Olá, boa noite! Meu nome é Cíntia, tenho 18 anos. Eu sempre tive uma pequena marca de nascença na palma da minha mão direita, mas assim que conheci uma outra, um homem que cheguei a namorar por cerca de um ano, essa marca começou a sumir e aparecer na palma da minha outra mão e no mesmo local... Esse rapaz me trouxe um sofrimento muito grande, me decepcionou muito, trouxe muitos sentimentos ruins pra minhas vida q até hoje não consegui superar totalmente. Isso poderia ter algum significado com relação a marca da minha mão? Desde já obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Cíntia!

      Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita!

      Como está na postagem acima, a Doutrina Espírita nos esclarece que: os sinais, as manchas de nascença, são indícios que evidenciam a reencarnação. Que experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos do passado com as experiências adquiridas na vida atual.

      Assim, nossa vida tem que ser de superação, mas para nos superarmos temos que ter força de vontade, perseverança para não desistir. Obviamente nesta caminhada que procuramos nos superar vamos cair, pois isso mostra que estamos em movimento, e o que importa é que levantemos novamente e recomecemos a caminhar. Nesta caminhada temos que encontrar o autoperdão, e o perdão ao próximo, para sentirmos livres e libertar de nós mesmo quem nos fez mau. É deixar as coisas que nos fizeram mau ir, partir, é renovar-se, ter a consciência que não se quer mais viver na mesma frequência doentia de sentimentos negativos e de pensamentos, lembranças que nos fez mau; e partir para trabalhar os bons sentimentos, fazendo caridade, estudando os ensinos de Jesus, o Espiritismo nos permite estudar a vida para compreender melhor os caminhos que a caminhada do progresso nos leva.

      Cíntia, liberte-se desta decepção que você sofreu, não der mais valor e nem força a ela, pois quanto mais você vivenciar estes sentimentos e pensamentos, mais presa a isto você ficará, e deixará de vivenciar lindas oportunidades que se abre todos os dias. Estude, ame, ajude, viva, sorria.

      Deus conosco.
      Que Jesus nos ampare sempre.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  36. oi, eu li os depoimentos e fiquei curiosa.. eu possuo uma marca do tamanho de uma moeda de 25 centavos marronzinha em forma de coração na coxa direita, ai eu gostaria de saber o que significa ou se vc pode explicar diretamente a mim todas as suposições

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Nicolly!
      Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita.

      Bem, Nicolly. Não há como explicar diretamente o que estas marcas de nascenças podem significar, pelo fato que cada um de nós temos uma história em que acontece em aspectos diferenciados, de acordo com a experiência de cada um de nós. Para explicar diretamente a marca de nascença de cada pessoa, teríamos que ter acesso as experiências reencarnatorias de cada uma, não se pode fazer isso e Deus não permiti isso, ter acesso a vidas passadas só temos quando Deus permiti pelo fato que seria útil para a pessoa poder evoluir, no sentido de entender as circunstâncias muitas vezes que se passa em sua vida em momentos difíceis.
      Então, isto não é uma coisa que se possa fazer, Leis Divinas em uma Sabedoria que desconhecemos nos possibilita esquecer das nossas vidas passadas. Porque seria muito difícil convivermos com experiências negativas do nosso passado, com erros e falhas, nossas e dos outros; o sentimento de culpa tomaria culpa de nós, raiva, ódio, tristeza, falta de perdão... Além do mais que nós também julgaríamos interminavelmente os outros e os outros a nós (mais do que fazemos sem saber do que aconteceu em suas vidas passadas), e tudo isso afetaria o nosso progresso, não permitiria evoluirmos. Acho que se falar de uma maneira indiscriminada das vidas passadas das pessoas é irresponsabilidade, é está violando as Leis Divinas e dificultando a nossa vida e a vida de tal pessoa que se fala, pois não sabemos até que ponto tal pessoa está preparada para receber informações passadas. Apenas a espiritualidade amiga nos permite sabermos do nosso passado quando necessitamos, por meio de médiuns sérios, ou de desdobramentos, isto quando vai ser importante para nós para superarmos dificuldades que carregamos e que tal informação possibilitaria ajuda em superação. E não por mera curiosidade ou capricho ou vaidade. Lembremos também o fato que o nosso passado é mais feito de espinhos, de escuridão do que de flores e luz, isto porque é nosso estágio evolutivo estamos aprendendo, e aprender vem através de erros, erros muitas vezes obscuros que nem mesmo imaginamos que seriamos capazes de tais atos. Aí, será que seriamos capazes de carregar tais acontecimentos, de revive-los? Não somos maduros o suficiente ainda para isso, por isso que Deus Pai e Mãe Universal sabe o que é melhor para cada um dos seus filhos em todo o Cosmo, em seus variados estados evolutivos.

      O que podemos e devemos saber sobre as marcas de nascenças até o momento está na postagem acima. O Jardim Espírita é um blog de divulgação do Espiritismo e não um blog de consulta reencarnatoria, se fosse isto seria irresponsabilidade nossa, falta de comprometimento com a doutrina, com o leitores, pois se fosse um blog de consulta reencarnatoria não estaríamos divulgando o Espiritismo e sim estaríamos indo ao contrário desta Linda Doutrina que nos acolhe e que nos possibilita grandíssimos entendimentos, se quisermos estudar com sinceridade e perseverança, pois encontraremos lindíssima lições, entendimentos, conhecimentos nos aspectos da Religião, da Ciência, e da Filosofia que são segmentos que regem as nossas vidas. A partir do momento em que estudamos a Doutrina Espírita encontramos várias respostas, vamos passando a entender os mecanismos da vida em suas facetas, embora que quanto mais estudamos mais o mar de informação se alarga e mais coisas temos para aprender e estudar, é algo sem fim. E assim vamos evoluindo a nossa mente e direcionando o nosso espírito para o entendimento e deixando de lado as nossas curiosidades que não vai nos fazer bem e nossos caprichos. Por isso que está no livro O Evangelho Segundo o Espiritismo, de Allan Kardec, a frase ditada pelo Espírito de Verdade: “Espíritas, amai-vos, eis o primeiro mandamento; e instrui-vos, eis o segundo!”. Amar nem sempre é dar as pessoas o que elas querem, mas o que elas necessitam que é de instrução.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  37. Boa noite!
    Primeiramente agradeço por ter conhecido esse blog, o qual muito tem me esclarecido. Pois bem...
    Eu tenho uma mancha fe nascença muito intrigante, até hoje não conheci ninguém que tenha pelo menos parecida. Sou branquinha e a minha mancha é marrom clara ( a denominada mancha café-com -leite), a questao é que ela está contida em 95% do lado direito do meu corpo ( começa na nuca, desce pelas costas, nádega, coxa) na parte da frente ( braço direito do ombro até o cutuvelo, desce pelos seios e termina um pouco antes do joelho), respingos no dorso do pé direito e próximo ao polegar da mao esquerda). Essa sempre foi motivo de tristeza e vergonha pra mim, durante todas as fases da minha vida. Tentei superar, mas sempre quando surge uma oportunidade de tipo ter que usar uma roupa de banho, um vestido pra casamento q mostre aa costas, por exemplo, eu me privo, pois a tristeza é maior. As pessoas me acham bonita, sempre escuto:- pq vc nao foi ou é modelo? Sempre dou uma desculpa esfarrapada, mas no meu íntimo dói, pois essa mancha me privou de tanta coisa. E hoje, com essa febre de tudo ir parar na rede social, eu tomo mais cuidado ainda. É muito estranho, mesmo que a pessoa tenha bom coraçao, nao julgue, nao tem como nao se impressionar. Sempre me perguntei o por quê dessa marca. Tenho 29 anos e tento sempre ignorar, mas nao consigo agir como se ela nao estivesse ali. ��

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Amiga Leitora!

      Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita, e fico feliz que esteja sendo útil a você.

      Agradeço também por você compartilhar no Jardim Espírita a história da sua marca de nascença, isso faz com que as pessoas percebam e tenham conhecimento das histórias que muitos carregam.

      Com o seu relato lembrei de uma modelo canadense chamada Winnie Harlow, de 21 anos. Ele não possui marca de nascença, mas é portadora de vitiligo, que
      é uma doença caracterizada pela perda da coloração da pele. As manchas formam-se devido à diminuição ou ausência de melanócitos (as células responsáveis pela formação da melanina, pigmento que dá cor à pele) nos locais afetados. Nisto Winnie Harlow carrega manchas no rosto e por todo o corpo, mas não se deixou abater apesar de ter enfrentado tantos preconceitos, bullying... Hoje é uma modelo conhecida no mundo inteiro, quebrando as barreiras e o que é mais difícil a autoaceitação.

      Sabe, a beleza está no diferente, nas coisas que são únicas. Se fossemos todos iguais aonde estaria a beleza? Aonde estaria a autenticidade do que é belo? A beleza está na diferença, que cada pessoa carrega... Esta diferença vira a nossa marca, nossa autenticidade. E quando nos aceitamos como somos chegamos a quebrar uma barreira muito difícil que é a autoaceitação, e o mundo vai nos sorrir de uma forma ou de outra.

      Tente pesquisar sobre a modelo que citei: Winnie Harlow. E se inspire nela, ela tem uma linda história de superação. E seja sempre bem vida ao Jardim Espírita, há vários temas para leitura.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  38. Obrigada pela resposta! Sàbado, coincidentemente, ouvi falar dessa modelo. Pesquisei...gostei da atitude dela. Realmente o mais difícil é a auto aceitaçao, a qual eepero conseguir totalmente. Sou grata pela minha vida em primeiro lugar, só nao consegui,AINDA, driblar essa estapa. Obrigada de coraçao!

    ResponderExcluir
  39. Recebi um comentário/mensagem sobre marca de nascença de uma leitora que pediu-me para não torna-lo publico, como ela não deixou o seu e-mail para nos comunicarmos, darei a resposta por aqui, por meio dos comentários do blog.

    Bem, a espiritualidade amiga alerta que nem sempre estamos preparados para recebermos informações das nossas vidas passadas. Pois, isto pode nos causar impressões negativas, e desenvolver sentimentos em nós negativos. O que POSSIVELMENTE foi mostrado a você pode ter sido apenas o necessário para você saber e trabalhar das dificuldades que carrega. A forma como você descreveu a sua experiência e que deixou algumas “impressões físicas” depois que você acordou pode sim revelar que foi uma lembrança por meio de desdobramento, mas é preciso ter cautela e sim usar o termo “possibilidade” para falar sobre a sua experiência, pois afirmar seria falta de responsabilidade.

    Tenho conhecimento que em um caso de um amigo ele teve lembranças do seu passado por meio de desdobramento durante o sono, ele não pediu ou forçou esta experiência/lembrança, eram lembranças negativas; e isto não seria bom para ele que um médium falou, pois poderia desencadear nele a volta da sua personalidade passada e seus conflitos, que ele deveria apenas vivenciar e se concentrar nesta vida e que no caso dele deveria pedir a espiritualidade amiga para bloquear estas lembranças. Por isso que temos que ter certo cuidado com essas lembranças passadas e não ficar pedindo ou forçando que elas venham, pois não sabemos do nosso grau de amadurecimento. Se elas vierem naturalmente é porque estamos precisando para compreender as dificuldades que se apresentam em nossas vidas, mas forçar estas lembranças não é indicado, pois como falei em um comentário anterior carregamos mais dificuldades em nossas vidas passadas do que vivências belas.
    Continue estudando o Espiritismo, aqui no Jardim Espírita temos vários temas abordados a Luz da Doutrina Espírita. E fiquei a vontade para comentar.

    Deus conosco.
    Paz, Luz e Harmonia.
    Jardim Espírita.

    ResponderExcluir
  40. Discretamente, obrigada! Pode deixar, nao forçarei. Pedi como quem nao queis nada, e talvez"tenha dado certo" . Nao fiquei incucada. No outro dia nem lembrei mais, pois o que me interessa é a vida de agora. Mas, confesso que foi bom "saber a possível explicaçao para tal motivo". Continuarei sim estudando a Doutrina Espírita, e lendo os artigos do seu blog. Mais uma vez, grata!

    ResponderExcluir
  41. Olá, meu filho nasceu com uma mancha no rosto , um hemangioma. Ele tem 1 ano e 4 meses, sofro pois tenho receio de que as pessoas ficarão perguntando o que é, hoje algumas pessoas perguntam é isso me encomoda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Mitchele!

      Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita.

      Com as coisas que nos incomoda devemos nos esforçar para mudar este estado em nós. Use as oportunidades em que as pessoas perguntam sobre a macha no intuito de instruir as pessoas, já que elas perguntam porque não sabem. Nisto você vai está ensinando as pessoas, e levando a elas o conhecimento do que é hemangioma, e elas assim elas vão mudando os seus pensamentos e conceitos. Não é uma mancha no rosto que vai impedir do seu filho ser amado, de ser admirado... as pessoas que tem sentimentos e pensamentos contrários a estes é porque não são sinceras, então por que se importar com a falta de sinceridade, quando se tem sentimentos bons perto de nós?

      Antes de tudo somos espírito, em processo de aprendizado, e que muitas vezes carregamos no corpo físico dificuldades que nos dar a oportunidade de evoluirmos. As pessoas tendem a amar e a admirar apenas o físico, e esquecem ou não sabem que somos mais que isso, que o que vale mesmo são os nosso valores em que conquistamos durante as nossas vidas. Não, se incomode com a mancha do rosto do seu filho, você sabe que ele é bem mais que isso, ele não se resume e não se resumirá a isto, mude este sentimento que está em você para ele não crescer inseguro, mas pelo contrario passe segurança para ele, e mostre que a beleza está nas diferenças e não na igualdade. Ensine a ele se amar como ele é, sem medos e sem insegurança. Deus abençoe vocês.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
    2. Olá, quando criança sonhei q tinha tomado uma facada nas costas e quando acordei estava doendo,Coloquei a mao e foi justo onde tenho uma cicatriz e tive esse sonho 3 vezes só quando criança e no só avia um pe de acerola cm raízes de gamileira.obrigado,você tira minha duvida?

      Excluir
    3. Olá, Eder Ramos!

      Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita, e seja sempre bem vindo.

      As crianças tem uma percepção maior da espiritualidade, principalmente na chamada primeira infância, a relação com o plano espiritual tem uma dimensão maior, pois estando o espírito completando sua efetiva reencarnação – que se estende até a chamada segunda infância que é até os 12 anos – são mais sensíveis as percepções e as influências espirituais. Pois o perispírito não está completamente ligado ao corpo físico, é como se o espírito na primeira infância estivesse ajustando-se ao corpo físico, não estado ele completamente encaixado ao corpo físico.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  42. Bom dia.
    Meu filho nasceu com uma mancha grande branca no antebraço direito e uma mancha pequena no braço esquerdo. O que pode ser?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, amigo(a) leitor(a)!
      Agradeço a visita ao Jardim Espírita!

      Como está na postagem acima, na visão espírita as marcas, os sinais, as manchas de nascença, são indícios que evidenciam uma vida anterior, à vida atual, ou seja, é uma evidência da reencarnação. Assim, o Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos do passado com as experiências adquiridas na vida atual.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  43. Olá, nasci com uma mancha bem escura na virilha, é uma mancha bem característica, grande e minha mãe tem exatamente a mesma mancha no mesmo local, idêntica, temos uma ligação muito forte, gostaria de saber se nós duas poderíamos ter se conhecido em vidas passadas, ou se existe algo para explicar estas mancha idênticas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Amiga Leitora!

      Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita.

      Como vimos na postagem acima, o Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença são evidências de vidas anteriores, comprovando a reencarnação. O Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos do passado com as experiências adquiridas na vida atual.

      Nestas diversas encarnações encontramos quase sempre os mesmos espíritos no nosso ciclo de convivência. Esses “encontros na matéria” permite o aperfeiçoamento dos espíritos, a experiências em que levam o espírito progredir. Tendo assim cada um trabalhar diversos aspectos para o seu melhoramento, e um ajudando o outro a se superarem.

      Espero que a minha resposta tenha sido útil, e que sirva de reflexão. Mas que acima de tudo que possamos amar cada vez mais, pois o amor é o remédio para tudo, junto dos ensinos de Mestre Jesus que nos permite seguir cada vez mais um caminho que nos possibilita a nossa iluminação.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  44. Boa tarde! Tenho muitas manchas pelo corpo, nas coxas, nos pés,tornozelo, no bumbum, pescoço e um verruga na costela. Minha mãe que ja é falecida, tinha EXATAMENTE as mesmas manchas na bunda e na perna, e a verruga dela era no pesçoco.Esses dias uma amiga comentou q pode ser coisas d vidas passadas, resolvi pesquisar e ja li um pouco e ja entendi algumas coisas, o que fiquei em dúvida é sobre eu e minha mãe termos as mesmas manchas,será q em vidas passadaa tbm eramos parentes? Ps: MInha mãe era uma pessoa extremamente boa e caridosa, sempre me tratou com mto amor carinho e atencao, morreu falando q nao queria morrer e me deixar e q era pra cuidarem bem d mim aqui. Desde já agradeço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Patricia Arruda!

      Muitas pessoas já escreveram falando das suas marcas de nascença que tem igual ao marido, ou a esposa, ou ao filho(a), ou ao pai, ou a mãe, ou ao irmão(a)... ou seja, pelo que parece não é caso isolado.

      E verruga não é marca de nascença. Verrugas são proliferações benignas da pele causadas pelo papilomavírus humano (HPV). A infecção ocorre nas camadas mais superficias da pele ou mucosa, ativando o crescimento anormal das células da epiderme.

      Nas diversas encarnações encontramos quase sempre os mesmos espíritos no nosso ciclo de convivência, em que vamos criando cada vez mais ligações, ligações estas que podem ser positivas devido a bom convívio, ou ligação negativa em que por questões de convívio difícil necessitamos voltar ao mesmo convívio para reparar as dificuldades adquiridas . Esses “encontros na matéria” permite o aperfeiçoamento dos espíritos e a experiências em que levam o espírito progredir.

      Nós espíritas sabemos que existe algo muito mais importante, que é dedicarmos-nos ao nosso aperfeiçoamento com os ensinos de Jesus Cristo, e assim seguir cada vez mais o caminho do bem, da caridade do amor ao próximo, sabemos que devemos viver para nos aprimorar sempre deixando para traz os traumas que o espírito carrega, para ir educando-nos para o autoprogresso.

      Deus conosco.
      Que Jesus nos ampare sempre.
      Paz, Luz e harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  45. Olá. Obrigado por contribuir conosco toda sua sabedoria. Bem minha pergunta é a seguinte. Nasci com um sinal pequeno do tamanho de uma pupila, na iris do meu olho direito. Tenho muitos sonhos que aconteceram na vida real com diversas pessoas e também sinto que tenho sensibilidade para muitas coisas, por exemplo, eu passo mal se assistir torturas por chibatadas, um sonho que marcou minha vida foi como se eu tivesse presenciado a morte do meu pai na infância, e meu pai faleceu quando eu tinha 17 anos, mas sinto que não é a primeira vez que o perco. Eu consigo entender uma pessoa com poucas palavras e sempre sonho acordada com pessoas que já se foram. Queria muito entender tudo isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Angélica!

      Todos nós somos médiuns, independente te religião, de raça, de gênero, de idade... A mediunidade se apresenta em diferentes graus e de diferentes modos, tipos.

      Quando dormimos o nosso corpo físico está em estado de descanso, refazendo as suas forças físicas, mas nosso espírito está em atividade, vivenciando a vida espiritual, tendo contato com outros espíritos. Há pessoas que tem a mediunidade de premonição, que é a sensação ou advertência antecipada do que vai acontecer; pressentimento, preságio; assim essa mediunidade faz o médium antever algo que irá se realizar, num espaço de tempo indeterminado, confundindo-se, desta forma, com a profecia. Mas, não se pode confundir profecia com premonição /pressentimento/preságio, pois a profecia segundo a Doutrina Espírita se origina de uma Revelação Espiritual Superior. Já a faculdade premonitória é mais ampla e pode acontecer com qualquer pessoa que tenha qualidades mediúnicas que favorecem o fenômeno.

      Em relação de você sentir que não é a primeira vez que você perdeu seu pai. Bem, já vivemos várias e várias vidas, e nessas vidas temos a possibilidades de encontrar quase sempre os mesmos espíritos. As pessoas que hoje formam a nossa família material possivelmente já à encontramos em vidas anteriores, e assim já vimos muitos delas partirem para o mundo espiritual por meio da morte do corpo físico.
      Mas, tenha certeza ninguém perde ninguém, apenas nos separamos momentaneamente, quem partiu para o mundo espiritual está vivendo a verdadeira natureza do espírito, que é a vida no mundo espiritual, pois nós não pertencemos a este mundo físico, nós pertencemos ao mundo espiritual. É que esquecemos que somos seres espirituais vivendo a experiência no mundo físico para o nosso aperfeiçoamento.

      E você falou que sempre sonha acordada com as pessoas que já se foram. Bem, a mediunidade de vidência, os médiuns videntes podem ver os espíritos; podendo vê-los quando estão acordados, guardando a lembrança do que viram. O médium vidente julga ver com os olhos, mas na realidade, é a alma que ver, e é por este fato que eles podem ver os espíritos tanto com os olhos abertos, como com os olhos fechados.
      Assim, se conclui que um cego pode ver os espíritos, do mesmo jeito que qualquer outro que tem a visão perfeita. É preciso distinguir as aparições acidentais e espontâneas da faculdade propriamente dita de ver os espírito; a faculdade consiste na possibilidade, senão permanente, pelo menos muito frequente, de ver qualquer espírito que se apresente, mesmo aqueles que nos são os mais estranhos. É esta característica que constitui os médiuns videntes.

      O Espiritismo nos esclarece todas as nossas duvidas, quando realmente estudado. Busque estudar para você compreender e ter as respostas que você precisa, apenas por meio do estudo da Doutrina Espírita que você vai ter as respostas que precisa, é uma viagem de descoberta para a compreensão da vida e da verdade. Apenas cada um de nós podemos responder as perguntas que tanto fazemos por meio de um estudo dedicado e sério dos ensinos codificados por Allan Kardec, e as respostas vem com o tempo, quanto estamos maduros para entender. Procure um casa espírita que segue os ensinos de Allan Kardec, para você compreender as verdades da vida.
      Angélica, desejo que minha resposta tenha te ajudado de alguma forma. E seja sempre bem vida ao Jardim Espírita, aqui temos várias postagem de diferentes assuntos a luz do Espiritismo, fique vontade para ler.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  46. Bom dia, eu tenho mancha clara na perna esquerda, e por acaso meu namorado também tem a mesma mancha tambem na perna esquerda, no mesmo formato, só que a dele é um pouco mais escura que a minha...e a gente já passo por várias coisas juntos, coisas que outros casais suportariam...a gente teria alguma relação na vida passada? Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Amiga Leitora!

      A Doutrina Espírita nos esclarece que nas diversas encarnações encontramos quase sempre os mesmos espíritos no nosso ciclo de convivência, em que vamos criando cada vez mais ligações, ligações estas que podem ser positivas devido a bom convívio, ou ligação negativa em que por questões de convívio difícil necessitamos voltar ao mesmo convívio para reparar as dificuldades adquiridas. Esses “encontros na matéria” permite o aperfeiçoamento dos espíritos e as experiências em que levam o espírito progredir. Podendo assim cada um trabalhar diversos aspectos para o seu melhoramento, e um ajudando o outro a se superarem.

      Muitas pessoas já escreveram relatando que possuem marca de nascença igual ao marido, ou a esposa, ou ao filho(a), ou ao pai, ou a mãe, ou ao irmão(a)... ou seja, pelo o que parece não são fatos isolados e nem difíceis de se achar marcas de nascenças iguais.

      Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita. E seja sempre bem vinda.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  47. Boa tarde, tenho uma mancha com formato de tartaruga nas costas, meu irmão nasceu com a mesma mancha, será que temos alguma relação com a vida passada ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Amigo(a) Leitor(a)!

      Muitas pessoas já escreveram relatando que possuem marca de nascença igual ao marido, ou a esposa, ou ao filho(a), ou ao pai, ou a mãe, ou ao irmão(a)... ou seja, pelo o que parece não são fatos isolados e nem difíceis de se achar marcas de nascenças iguais. E até mesmo de formatos diferentes, em que vai desde corações, a números, a mapas, a formas geométricas... E a cores diferentes ao tom da pele.

      A Doutrina Espírita nos esclarece que nas diversas encarnações encontramos quase sempre os mesmos espíritos no nosso ciclo de convivência, em que vamos criando cada vez mais ligações, ligações estas que podem ser positivas devido a bom convívio, ou ligação negativa em que por questões de convívio difícil necessitamos voltar ao mesmo convívio para reparar as dificuldades adquiridas. Esses “encontros na matéria” permite o aperfeiçoamento dos espíritos e as experiências em que levam o espírito progredir. Podendo assim cada um trabalhar diversos aspectos para o seu melhoramento, e um ajudando o outro a se superarem.

      Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita. E seja sempre bem vindo(a).

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  48. Olá, Eu tenho uma dúvida eterna. Eu e meu esposo, temos duas pintas pequenas de mesmas posição e distância uma da outra, localizadas no mesmo lugar do nosso tórax, e eu sinto algo por ele que nao consigo explicar... parece qie somos Adão e Eva! Se é que é correto dizer isso... mas sinto que nao vivo sem ele, ele é um pedaço de mim... o que pode ter acontecido com a gente na vida passada?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Romulla Soares!

      Muitas pessoas já escreveram relatando que possuem marca de nascença igual ao marido, ou a esposa, ou ao filho(a), ou ao pai, ou a mãe, ou ao irmão(a)... ou seja, pelo o que parece não são fatos isolados e nem difíceis de se achar marcas de nascenças iguais. E até mesmo de formatos diferentes, em que vai desde corações, a números, a mapas, a formas geométricas... E a cores diferentes ao tom da pele.

      Em relação a Adão e Eva, ou a almas gêmeas, ou a um ser o pedaço de outro... o Espiritismo nos esclarece que isso não existe, pois nenhum espírito é parte do outro, o que existe são as afinidades em que vai se fortalecendo no decorrer das encarnações, devido as experiências que os espíritos vivenciam juntos, em que se dão bem. Devido a compartilha as mesmas ideias.

      A Doutrina Espírita ainda nos esclarece que nas diversas encarnações encontramos quase sempre os mesmos espíritos no nosso ciclo de convivência, em que vamos criando cada vez mais ligações, ligações estas que podem ser positivas devido a bom convívio, ou ligação negativa em que por questões de convívio difícil necessitamos voltar ao mesmo convívio para reparar as dificuldades adquiridas. Esses “encontros na matéria” permite o aperfeiçoamento dos espíritos e as experiências em que levam o espírito progredir. Podendo assim cada um trabalhar diversos aspectos para o seu melhoramento, e um ajudando o outro a se superarem.

      Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita. E seja sempre bem vinda.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  49. Oi
    Bom dia eu vi seu blogue falando sobre manchas de nascença aí eu queria uma pequrna explicação sobre a minha eu tenho uma mancha de nascença nas costas do lado esquerdo bem atrás do coração as vezes sinto dores que parece como se algo me atravessasse já fui ao medico só que sempre recebi a mesma resposta em que eu não tinha nada e estava bem de saúde mas as dores aparece as vezes tenho sonhos também onde estou em uma época diferente onde tem casarão já sonhei com um casarão bem antigo e lá achei uma foto onde tinha algumas pessoas da minha família com roupas antigas será que eu não morrer de morepente natural na minha vida passada ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Amigo Leitor!

      Realmente, por meio de sonhos podemos lembrar de vidas passadas. Quando esses sonhos ocorre de forma espontânea, tem como objetivo trazer informações benéficas a vida atual. Mas tudo deve ser encarado com naturalidade. E marcas de nascença são evidencias de vidas passadas.

      Sabemos por meio de vários estudos sobre reencarnação em que pode ocorrer situações como essas em que a pessoa pode sentir alguma dor como no seu caso, e não ser nada fisicamente. Assim, como pode ter algum outro problema de saúde em que a medicina não encontra uma causa aparente, e assim ser causas de vidas passadas.

      Espero que a minha resposta possa lhe ajudar de alguma forma. Seja sempre bem vido ao Jardim Espírita.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  50. Olá! Minha ex namorada e eu temos a mesma marca de nascença no peito direito tudo igual, tamanho, cor, altura. Hj somos amigos, mas eu ainda gosto dela como namorada, tento ficar longe dela e ela de mim, mas parece que o destino sempre nos coloca juntos, e ela dizia que antes de nós encontramos já sentia que iria me conhecer, e eu quando a vi pareceu que o tempo e o espaço não existia, só enxergava ela! Hj somos amigos, nos damos muito bem, mas só discutimos, estranho isso, mas é assim mesmo! Poderia nos dar alguma explicação?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Amigo Leitor!

      Cada vez mais, recebemos comentários sobre marcas de nascença iguais. Muitas pessoas já escreveram relatando que possuem marca de nascença igual ao marido, ou a esposa, ou ao filho(a), ou ao pai, ou a mãe, ou ao irmão(a), ou ao namorado(a)... ou seja, pelo o que parece não são fatos isolados e nem difíceis de se achar marcas de nascenças iguais. E até mesmo de formatos diferentes, em que vai desde corações, a números, a mapas, a formas geométricas... E a cores diferentes ao tom da pele.

      A Doutrina Espírita nos esclarece que nas diversas encarnações encontramos quase sempre os mesmos espíritos no nosso ciclo de convivência, em que vamos criando cada vez mais ligações, ligações estas que podem ser positivas devido a bom convívio, ou ligação negativa em que por questões de convívio difícil necessitamos voltar ao mesmo convívio para reparar as dificuldades adquiridas. Esses “encontros na matéria” permite o aperfeiçoamento dos espíritos e as experiências em que levam o espírito progredir. Podendo assim cada um trabalhar diversos aspectos para o seu melhoramento, e um ajudando o outro a se superarem.

      Espero que a resposta possa lhe ajudar de alguma forma. Seja sempre bem vido ao Jardim Espírita.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  51. Suspeito ter sido a reencarnação de Pedro II. Como posso ter mais prova sobre isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Amigo Leitor!

      No O Livro dos Médiuns, de Allan Kardec, capitulo XXVI – item 15; encontramos a seguinte informação passada por espíritos superiores sobre nos fazer conhecer nossas existências passadas: “Deus permite, algumas vezes, que sejam reveladas, segundo o objetivo; se é para vossa edificação a vossa instrução, serão verdadeiras, e, nesse caso, A REVELAÇÃO É QUASE SEMPRE FEITA ESPONTANEAMENTE, DE MODO INTEIRAMENTE IMPREVISTO; mas jamais o permite para satisfazer a uma vã curiosidade.”

      Ou seja, não é forçar ou querer, e sim a permissão de Deus caso seja para nosso proveito, entender circunstâncias de existências passadas. Espíritos benfeitores nos informam que, em muitas circunstâncias é melhor não lembrar do nosso passado, para que a marcha do nosso progresso não seja entravada por lembranças de vidas passadas que não seriam necessárias nesta atual vida. O passado passou, hoje, nesta existências estamos em uma nova vida, uma nova oportunidade, sem a necessidade de sermos quem éramos, e sim de reescrever nossa história.

      Espero que minha resposta lhe ajude de alguma forma. Seja sempre bem vindo ao Jardim Espírita.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir
  52. Olá. Tenho uma amiga que é bem branquinha e tem uma marca de nascença branca na coxa direita. O que oode significar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Amigo(a) Leitor(a)!

      Como vimos na postagem acima, o Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença são evidências de vidas anteriores, comprovando a reencarnação. O Espiritismo nos esclarece que as marcas de nascença existem por causa de experiências vivenciadas com muita intensidade emocional em alguma vida passada, e tais experiências intensas ficam gravadas na consciência do espírito, que não superou tal acontecimento, e assim quando tal espírito reencarna novamente ainda carregando tais lembranças transporta para o corpo físico em forma de marca tais experiências do seu passado na matéria, para superar tais acontecimentos do passado com as experiências adquiridas na vida atual.

      Agradeço a sua visita ao Jardim Espírita e volte sempre. Publicamos novas postagens toda semana.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir

Todos podem deixar seu comentário no Jardim Espírita. Se for caso de resposta, responderei assim que poder, podendo levar alguns dias.
Não publicarei comentários que contenham termos vulgares, palavrões, ofensas, publicidade e dados pessoais (como e-mail, telefone, endereços, etc.). Então fiquem a vontade para comentar!