Translate

terça-feira, 28 de abril de 2015

ANGÚSTIA E PAZ


Previne-te contra a angústia.

Esta tristeza molesta, insidiosa, contínua, arrasta-te a estado perturbador.

Essa insatisfação injustificável, perseverante, penosa, conduz-te a desequilíbrio imprevisível.

Aquela mágoa que conservas, vitalizada pela revolta sem lógica, impele-te a desajuste insano.

Isso que te assoma em forma de melancolia, que aceitas, empurra-te a abismo sem fundo.

Isso que aflora com frequência, instalando nas tuas paisagens mentais de pressão constante, representa o surgimento de problema grave.

Aquilo que remóis, propiciando-te dor e mal-estar, impele-te a estados infelizes, que te atormentam.

A angustia possui gêneses. Várias.

Procede de erros que se encontram fixados no ser desde a reencarnação anterior, como matriz que aceita motivos verdadeiros ou não, para dominar quem deveria envidar esforços por aplainar e vencer as imposições negativas e as compulsões torpes.

Realmente, não há motivos que justifiquem os estados de angústia.

A angústia entorpece os centros mentais do discernimento e desarticula os mecanismos nervosos, transformando-se em fator positivo de alienações.

Afeta o psiquismo, o corpo e a vida, enfermando o espírito.

Rechaça a angústia, pondo sol nas tuas sombras-problemas.

Não passes recibo aos áulicos de melancolia e dispersa com a prece as mancomunações que produzem angústia.

Fomenta a paz, que a antídoto da angústia.

Exercita a mente nos pensamentos otimistas e cultiva a esperança.

Trabalha com desinteresse, fazendo pelo próximo o que dizes dele não receber.

A paz é fruto que surge em momento próprio, após a germinação e desenvolvimento do bem no coração.

Jamais duvides do amor de Deus.

Fixado no propósito de crescimento espiritual, transfere para depois o que não logres agora, agindo com segurança.

Toda angústia dilui-se na água corrente da paz.


Pelo Espírito Joanna de Ângelis.
Psicografia Divaldo Pereira Franco


2 comentários:

  1. Bom dia!

    Muitas vezes quando temos tempo muito livre nos bate uma angústia danada. Aconteceu isso comigo essa semana. Hoje acordei com um sentimento não muito agradável, uma preguiça e vontade de não fazer nada. Então fiz uma oração, pedi a assistência dos bons Espíritos, pedi que eles me aplicassem passes afim de que eu me renovasse, então me arrumei e fui fazer as coisas que tinha que fazer. Me senti e agora estou aqui.
    Mas todas as vezes em que meus dias são de pouca atividade me bate uma tristeza sem fim, então, sabendo disso, estou sempre procurando o que fazer para não ter tempo de pensar no passado e trazer de volta a angústia que me deixa triste.
    Que Deus nos abençoe.
    Avancemos com Jesus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Alice!

      Faz muito bem em ocupar seu tempo, para não dar espaço a pensamentos negativos. Tem também a possibilidade de você procurar algum trabalho voluntário, para ajudar ao próximo, e você ocupar seu tempo ajudando ao próximo e aprendendo muito.

      Fico feliz que tenha gostado do Jardim Espírita, fique a vontade para sempre voltar e ler nossas postagens. Todas as semanas publicamos novas postagens.

      Deus conosco.
      Paz, Luz e Harmonia.
      Jardim Espírita.

      Excluir

Todos podem deixar seu comentário no Jardim Espírita. Se for caso de resposta, responderei assim que poder, podendo levar alguns dias.
Não publicarei comentários que contenham termos vulgares, palavrões, ofensas, publicidade e dados pessoais (como e-mail, telefone, endereços, etc.). Então fiquem a vontade para comentar!